13/06/2018 as 16:22

Sem grandes novidades, México chega à Copa para fazer mais do mesmo

Especial Copa do Mundo

Copa do Mundo Rússia 2018
Por Dhiogo Oliveira e Iago Rick
<?php echo $paginatitulo ?>

Seleção sempre presente em copas do mundo, o México chega à Rússia mais uma vez com um time mediano, que não deve fazer nada mais que conseguir no máximo, uma vaga nas oitavas de final.

Seus destaques continuam sendo o atacante Chicharito e o goleiro Ochoa, prova de que o país não consegue se desenvolver no futebol.

Na última campanha da Copa das Confederações, o time pecou pela falta de equilíbrio e a pouca disciplina tática em campo. Passou da primeira fase, mas foi massacrada por uma Alemanha quase sub-21.

Falta seriedade e comprometimento a seus jogadores.

Palpite do Alô - Sempre presente em copas, o México tem a missão de passar de fase num grupo complicado com Alemanha e Suécia. Caso passe às oitavas, pode ser adversária do Brasil.

Destaque - Javier Hernandez.

Ranking FIFA - 15º

Convocação: Goleiros: Guillermo Ochoa (Standard Liège), Alfredo Talavera (Toluca) e Jesús Corona (Cruz Azul).

Defensores: Héctor Moreno (Real Sociedad), Carlos Salcedo (Eintracht Frankfurt), Hugo Ayala (Tigres), Diego Reyes (FC Porto), Miguel Layún (Sevilla), Jesús Gallardo (Pumas UNAM), Edson Álvarez (América). Rafael Márquez (Atlas);

Meio-campistas: Héctor Herrera (Porto), Andrés Guardado (Real Betis), Giovani Dos Santos (LA Galaxy), Jonathan Dos Santos (LA Galaxy), Marco Fabián (Eintracht Frankfurt).

Atacantes: Javier Hernández (West Ham), Raúl Jiménez (Benfica), Oribe Peralta (América), Hirving Lozano (PSV Eindhoven), Carlos Vela (Los Angeles FC), Jesús Corona (Porto) e Javier Aquino (Tigres).

 




Tópicos Recentes