03/05/2018 as 06:58

Conselheira do TCE na berlinda

Política Online

Política
Por Junior Valadares
<?php echo $paginatitulo ?>

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu denúncia contra a conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe, Maria Angélica Guimarães Marinho. Ela foi denunciada por peculato, relativo ao período em que ocupava o cargo de presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe. Também foram denunciados os gestores das instituições assistenciais supostamente envolvidas no delito.Com o recebimento da denúncia, os três denunciados se tornam réus na ação penal, que agora terá prosseguimento. A decisão da corte foi tomada por maioria de votos.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), com o objetivo de levantar valores para o financiamento da campanha eleitoral de seu marido e de seu grupo político, em 2013, a então deputada e presidente da casa legislativa propôs emenda parlamentar para a destinação de R$180 mil para duas entidades assistenciais. Segundo o MPF, o dinheiro teria sido desviado das entidades – que não teriam existência de fato – para a campanha eleitoral de 2014. Sob a alegação de inépcia da denúncia, a defesa da conselheira sustentou que não foram individualizadas e descritas adequadamente as supostas condutas ilícitas cometidas pela ex-deputada. Ainda de acordo com a defesa, a destinação de verbas para as duas entidades assistenciais cumpriu os requisitos da Lei estadual 5.210/03, que previa subvenções a instituições de caráter assistencial ou cultural sem fins lucrativos. 

Com informações do STJ

Galeguinho e Foguinho discutem saúde publica

O governador Belivaldo Chagas (PSD) o popular Galeguinho, recebeu em seu gabinete no Palácio dos Despachos, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), o popular Foguinho Zabumbeiro. Foram discutidas ações realizadas na capital e melhorias na área da Saúde. O prefeito também aproveitou a oportunidade para parabenizar Belivaldo pelas primeiras ações em sua gestão como governador.“Vim retribuir a visita que o nosso governador me fez, agradecer a parceria, parabenizá-lo pelas suas ações tão positivas na gestão e aproveitar para tratar dos interesses de Aracaju”, declarou Foguinho

Vereador desce a ripa em JB.

O vereador Lucas Aribé (PSB), fez uma avaliação negativa da  administração do ex-governador Jackson Barreto (MDB). Lucas afirmou que pediu votos para Jackson, votou nele, ajudou a elegê-lo e ficou decepcionado com o resultado. “Parcelou salário, dividiu salário, parcelou de novo, só não fez o principal que era dar o reajuste constitucional. Nenhum dos poderes conseguiu fazer com que o governador pagasse, nem mesmo o Tribunal de Contas. Em contrapartida, circularam notícias de que os estados do Nordeste tiveram aumento do Fundo de Participação e receberam mais dinheiro”, analisa Aribé.

Péssima gestão

“É claro que tiveram coisas positivas, mas, no geral, infelizmente, avalio como péssima a gestão de Jackson Barreto. Não teve planejamento e organização orçamentária; prejudicou os servidores; não melhorou os índices da educação como deveria; não resolveu a burocracia dos hospitais para diminuir as filas para cirurgias e atendimentos; não melhorou os índices ligados à assistência social e não cumpriu muitas das propostas de campanha”, disse Aribé.

Belivaldo no Huse

O governador Belivaldo Chagas (PSD), reuniu-se  com o secretário de Estado da Saúde, Almeida Lima, com o superintendente do Hospital de Urgência de Sergipe – Huse, Darcy Tavares, com o presidente interino da Fundação Hospitalar de Saúde – FHS, Ramom Guerra, e alguns servidores da unidade para tratar de assuntos relacionados à melhoria de atendimento no maior hospital público do estado. É a primeira vez que um governador despacha administrativamente diretamente do hospital.

Diminuir filas

Belivaldo disse que neste momento a prioridade é diminuir as filas na unidade, agilizar os exames e procedimentos cirúrgicos para que a população não precise passar por uma longa espera. “Neste primeiro momento, até ajustar o que a gente estabeleceu aqui e conseguir acelerar o atendimento, a ideia é que façamos reuniões de trabalho como essa pelo menos a cada 15 dias. Pretendemos, assim, criar uma sintonia entre a rede para desobstruir as filas que temos aqui, principalmente com relação às cirurgias de um modo geral. Com isso, creio que a gente vai melhorar o atendimento do Huse”.

Gato mestre

Segundo o ARROTO, um verdadeiro samba do criolo doido aconteceu  na câmara de vereadores da Barra dos Coqueiros. A publicação revela que o vereador Adelmo Apóstolo, que está envolvido com  desvio de recursos públicos das verbas de  subvenção da Assembleia Legislativa,  pediu afastamento da Câmara por um prazo de 6 meses. O ARROTO revela que o vereador vai assumir o cargo  do todo poderoso chefão, Ariston Porto, que deixa a secretaria para assumir a coordenação da campanha de Adailton Martins, irmão do prefeito nessa eleição.

Cabo Zé retorna a vida publica

Depois de muitas polêmicas sobre o restabelecimento dos direitos políticos do Cabo Zé,  a Dra. Carolina Valadares proferiu decisão no dia 26 de abril, a favor do ex-gestor de Lagarto. Cabo recebeu das mãos da chefe de cartório a senhorita Mônica, o seu título eleitoral. Agora o Cabo Zé pode votar como também ser votado nas próximas eleições.

 

 

 




Tópicos Recentes