23/05/2018 as 06:31

Os ônus e os bônus do líder André

Quem sou eu para tentar fazer com que o trabalho do líder do governo MIchel Temer (MDB), o deputado federal André Moura (PSC)

Política Online

Política
Por Junior Valadares
<?php echo $paginatitulo ?>

Quem sou eu para tentar fazer com que o trabalho do líder do governo MIchel Temer (MDB), o deputado  federal André Moura (PSC),  seja contestado. André tem viabilizado recursos para o estado como ninguém. Para carimbar ainda mais este trabalho, basta que estes recursos cheguem ao estado e Sergipe se transforme no canteiro de obras com os mais de R$ 1.300.000.000,00 (hum bilhão e trezentos milhões) viabilizados pelo líder. Não acredito como muitos dizem que os recursos são eletrônicos, o Fi do Canço é trabalhador, bom político destes que quando te vê faz questão de lhe dar atenção, habilidoso chegou ao ponto de derrubar uma casamento de décadas, em Sergipe; a antiga aliança entre o PT e o Pc do B do prefeito Foguinho Zabumbeiro foi pras cucuias tudo por causa da tinta da caneta do líder André.

Mas como todo bom cristão,  André terá que arcar com os ônus de todo este prestigio no governo federal, o povo que hoje paga em torno de cinco reais no litro de gasolina, cerca de noventa reais em um botijão de gás, que roda nas rodovias federais em Sergipe cheias de Pare e Siga e buracos na pista , que paga juros estratosféricos nos cartões de credito e cheque especial, tem em Temer o grande culpado por ter um país em crise. Tanto é que será um desafio para os marqueteiros do líder tentar descolar a temerária imagem do presidente Temer da imagem do líder do seu governo, o cristão André. O outro desafio do líder é se livrar dos processos judiciais; com a queda do foro privilegiado no Supremo Tribunal Federal , André poderá ser julgado por um juiz de primeira instância e responder pelas acusações que lhe são creditadas muito mais rápido do que possa imaginar.

Na minha opinião, se pular estas fogueiras será senador da republica, sob as bênçãos do comunista Edvaldo Nogueira, o popular Foguinho Zabumbeiro, e do deputado estadual Mamona  Assassina, o democrata do paletó amarelo.

Dia do sim

O deputado federal Valadares Filho (PSB) pode comemorar; o presidente da OAB/SE Henri Clay se licenciou do cargo de presidente da Ordem e vai para as eleições de 2018, como candidato ao senado federal. Cantei esta bola há cerca de quarenta dias atrás, quando Clay foi visto indo tomar o café da manhã ao lado do vereador Elber Batalha com o Senador Valadares. Henri é um outsider e com certeza irá estar na chapa que deve ser anunciada pelo PSB,  para concorrer nas eleições de sete de outubro.

Boa Fé

O ex-governador Jackson Barreto (MDB) prestou depoimento no MPE, sobre a farsa da inauguração do Centro de Nefrologia do HUSE. JB disse aos promotores de justiça que foi enganado em sua boa fé. Logo após JB desabafou nas suas redes sociais.Confira o que postou JB: Hoje pela manhã fui ao Ministério Público esclarecer, mais uma vez, minha completa boa fé naquilo que seria a inauguração de uma unidade indispensável para o tratamento de pacientes renais. Infelizmente, mesmo tendo sido informado que o Centro de Nefrologia já se encontrava em condições de atender a população e, portanto, apto a ser inaugurado, isso não era a realidade da unidade, que ainda precisava de diversos ajustes, sobretudo na parte de equipamentos e na rede elétrica do local.   Em funcionamento há cerca de 30 dias, e atendendo o dobro dos pacientes renais, o Centro de Nefrologia do Huse é, sim, uma unidade importante para os sergipanos que precisam desse tratamento. E me alegra ter trabalhado para a sua instalação, pois sei do enorme alcance social e humano que representa,

CPI do lixo.

A CPI do lixo aprovou os requerimentos para que os delegados Daniele Garcia e Gabriel Nogueira, que investigaram os desvios dos contratos do lixo na Prefeitura de Aracaju, desde o ano de 2010, fossem à Câmara para serem ouvidos. Outro requerimento colocado em votação foi para que a ex-vereadora e ex-presidente da Emsurb, Lucimara Passos, também fosse ouvida, mas ele não foi aprovado Os delegados serão convidados a virem à Câmara no dia 05 de junho. Os vereadores terão até a próxima terça-feira, 29, para apresentar toda análise da sistematização dos documentos recebidos até agora e início da formalização do rol de testemunhas, depoentes e demais convidados a esclarecimentos.

Lula colhe o que plantou

Em Entrevista à BBC Brasil, a ex-operária e sindicalista Vera Lúcia (PSTU), candidata a presidente da República pelo Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados, disse que “o ex-presidente Lula está colhendo o que plantou”. Garante que no dia 02 de janeiro de 2019, “todas as medidas de Michel Temer serão revogadas, as empreiteiras envolvidas na Lava Jato serão estatizadas”. Vera será a candidata do PSTU.

Marcio Macedo

“Quero cuidar da minha pré-candidatura até para contribuir com Lula, na campanha eleitoral”, disse Márcio Macedo. “No dia 15 de agosto, nós vamos registrar e debater com o Brasil a importância de resgatar um projeto nacional. O Brasil está sem comando, a classe trabalhadora está sendo achatada e a conquista do povo está sendo destruída”, disse o vice presidente nacional do PT, que é candidato a deputado federal.

Fadado ao fracasso

Segundo Márcio, o povo brasileiro, infelizmente, está fadado ao fracasso. “95% dos programas sociais estão tendo cortes de recursos. Nós vamos enfrentar isso com a pré-candidatura de Lula, que virará no dia 15 de agosto para retomar um projeto nacional e poder ter esperança para o povo brasileiro. Marcio ainda afirmou, que para reforçar o anseio da pré-candidatura para deputado federal, foi ratificado o apoio junto com o senador Humberto Costa (PT-PE), deputado federal Paulão (PT-AL), o sociólogo Emir Sader, Eliane Aquino (vice-prefeita de Aracaju), Sérgio Gabrielli (ex-presidente da Petrobras) e militantes.




Tópicos Recentes