27/05/2018 as 20:57

Sexo e saúde, podem ser sinônimos na terceira idade

Conversa Íntima, Por Stephany Elza

Conversa Íntima

sexualidade, psicologia
Por Stephany Elza
Foto: (Avôvó).<?php echo $paginatitulo ?>

Percebemos que a expectativa de vida aumenta a cada ano que passa e as avós e avôs de hoje, já não são como os de antigamente. Percebemos que eles estão mais abertos a tecnologia, experienciando um novo mundo que não era possível em seu tempo de juventude. Muitos  estão fazendo viagens, realizando sonhos, mudando de profissão e até mesmo voltando a estudar.
 
Essa mudança de comportamento apresentada pela nova geração da terceira idade, que não se via nas décadas passadas esta desconstruindo muitos estereótipos, dentre esses estão ideias pré-concebidas sobre a vida sexual nessa fase da vida.
 
Ao contrário do que o senso comum pensa, a libido não cessa com o avançar da idade, apenas diminui, o que não significa que seu avô/avó se tornou uma pessoa adepta da castidade.
 
Entende-se que podem surgir alguns problemas hormonais e biológicos nessa fase, o que é normal de acontecer e atualmente a grande maioria podem ser tratadas através da medicina moderna. 
 
A seguir temos alguns exemplos:
 
- Disfunção erétil e/ou dificuldade em gozar;
- Falta de libido pode ser causada pela alteração hormonal provocada pela menopausa na mulher e andropausa no caso de homens;
- Ressecamento vaginal provocado pela redução do hormônio estrogênio;
- Complicações com a próstata;
- Estresse e abalos emocionais. 
 
É importante que no surgimento desses ''problemas", um médico e um psicólogo sejam consultados, pois estas questões podem ser tratadas através de medicamentos adequados, e um bom acompanhamento psicológico.
 
Resolvida essas questões, é claro que a inclusão do sexo na rotina, trará enormes benefícios, principalmente para essa faixa etária. 
 
O exemplos são os ganhos na saúde, como:
 
- Alívio de dores diversas, isso porque o sexo libera o hormônio do prazer, chamado de endorfina;
- Alívio do estresse, durante o ato sexual a pressão arterial pode baixar e provocar uma sensação de relaxamento;
- Fortalece o sistema imunológico aumentando o nível de anticorpos;
- Melhora o sono, após o orgasmo a Oxitocina é liberada pelo corpo permite que a pessoa durma com mais facilidade.
 
Ressaltando que para o sexo se manter associado a saúde, é preciso que seja feito com responsabilidade, pois vem aumentando os casos de DSTs e Aids entre a terceira idade. Precisamos acabar com a cultura de que camisinha é só para evitar gravidez, ou seja, é de extrema importância o uso da camisinha.
 
Faça sexo com consciência, faça sexo com camisinha.
 
 
 
Psicóloga Stephany Elza – CRP: 3224
79-998269301
stephanyelza@hotmail.com



Tópicos Recentes