05/06/2018 as 06:06

Quem herda não furta

Há mais ou menos três meses atrás fiz uma observação neste espaço que gerou inclusive um desconforto nos prováveis pré-candidatos a deputado federal

Política Online

Política
Por Junior Valadares
<?php echo $paginatitulo ?>

Há mais ou menos três meses atrás fiz uma observação neste espaço que gerou inclusive um desconforto nos prováveis pré-candidatos a deputado federal, que irão disputar as eleições de 2018 na coligação liderada pela dupla PSDB & PSC. Volto ao assunto porque ontem em conversa reservada com um destes postulantes a uma vaga na câmara federal senti um certo ar de revolta, com a cúpula partidária por causa da herança política (votos) do deputado federal André Moura, líder do governo Temer no Congresso Nacional e que é pré candidato ao senado federal. Naquela ocasião recebi um telefonema do pop líder, dizendo que os seus votos não tinham endereço certo, e quando possível seriam transferidos para todos os candidatos da coligação.

Mas segundo o pré-candidato que conversou comigo ontem, parece que a coisa não é bem assim. Valdevan Noventa (PSC), Gustinho Ribeiro (SDD), Adelson Barreto (PR), Pastor Jony (PRB), Zé Carlos Machado (PPS) e outros, ainda terão muito o que reclamar por causa da divisão do espólio político do federal André. Ainda segundo o pretenso pré-candidato, o Pastor Antônio dos Santos (PSC) é o preferido da cúpula partidária, sendo assim, o herdeiro dos votos do líder, o que está causando um verdadeiro frisson entre os pretensos candidatos que se sentem constrangidos com a situação. Para corroborar com o que me disse o pré-candidato, no domingo a convite do Pastor Daniel Fortes (PPS), fui ao lançamento da sua pré-candidatura a deputado estadual e lá encontrei um discurso do líder André destacando as qualidades do Pastor Antônio, o que me fez imaginar naquele momento a preferência do líder pela candidatura do Pastor. Quem herda não furta.

Clonado

O deputado federal Valadares Filho (PSB), teve seu telefone celular de Brasília clonado. Em mensagem via Zap, VF comunicou a seus amigos a ação dos marginais e solicitou a todos que não atendam ao pedido de transferência de altos valores para  contas correntes  solicitados pelos marginais. O deputado já comunicou o fato à policia a quem pediu uma rigorosa investigação do fato.

Calendário permanente

O secretário de estado da Fazenda Ademario Alves, aunuciou que  o governo está elaborando um Plano de Recuperação Econômico-Financeira do estado de Sergipe. Segundo o secretário, o trabalho está estruturado na adequação das despesas ao orçamento e em projetos de fortalecimento da economia, da geração de emprego e da austeridade na gestão pública.  Com relação ao pagamento da folha do funcionalismo estadual, o secretário informou que o foco é divulgar calendário e dar previsibilidade para o servidor.  Há seis meses do termino do governo, a proposta é um desafio a ser superado pela administração de Belivaldo Chagas.

CPI do lixo

Atendendo a um Requerimento de autoria do vereador Fábio Meireles (PPS), os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura supostas irregularidades nos contratos da limpeza pública de Aracaju vão ouvir, nesta terça-feira (5) a Danielle Garcia, ex-coordenadora do Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e a Administração Pública (Deotap), da Polícia Civil. Também será ouvido o delegado Gabriel Nogueira. “Essas oitivas servirão para subsidiar os trabalhados da comissão de forma embasada e sem açodamentos”, disse o vereador. O luxuoso lixo aracajuano pode ser desnudado.

Ao vivo e a cores

Fábio também informou que a sessão deve ocorrer a partir das 15 horas no plenário da Câmara Municipal de Aracaju (CMA). A sessão deve ser aberta  aos cidadãos e transmitida por meio da TV Câmara. “Cada integrante da comissão está imbuído no propósito único de conduzir os trabalhos de forma independente e coerente, por isso, tenho certeza que será um momento importante para esclarecer quaisquer dúvidas a respeito dos contratos celebrados pelo Executivo”, finalizou Fábio.

Plano B

Aliados e assessores próximos ao governador Belivaldo Chagas (PSD) e do ex-governador Jackson Barreto (MDB), começam a preparar o Plano B caso o ex-deputado federal e atual presidente estadual do partido dos Trabalhadores Rogério Carvalho não consiga mesmo registrar a sua candidatura ao senado federal. Segundo um destes assessores, Laércio conta com o apoio de empresários do setor de serviços, e já disse que não vai fugir da raia se for convocado pela cúpula.

51, uma boa idéia

O pré-candidato ao Governo do Estado, Milton Andrade (PMN) tem defendido a redução no número de Secretarias para oxigenar a máquina pública e garantir mais flexibilidade e investimentos em áreas prioritárias, como saúde, educação e segurança pública. Atualmente existem 22 Secretarias que acomodam 22 secretários, mais 22 diretores executivos (que substituem os adjuntos), além de grande quantidade de assessores, em sua ampla maioria, ocupantes de cargos comissionados.  “Essa quantidade de secretarias serve para apadrinhar aliados políticos e acomodar os que foram derrotados nas urnas. É por isso que falta dinheiro para o que, de fato, precisa. Falta dinheiro até para pagar aos servidores públicos”, disse Milton, acrescentando que, no seu entender, oito Secretarias seriam suficientes, uma boa idéia.

 




Tópicos Recentes