25/06/2018 as 11:14

Gripe se resolve com... Ozonyl!

Por Ivan Valença Ponto de Vista

Ponto de Vista

Política
Por Ivan Valença
Foto: (Thinkstock/VEJA/VEJA).<?php echo $paginatitulo ?>

Parece que estou resfriado. Uma senhora gripe veio juntar-se a mim, e eu não percebi, enquanto tirava a soneca depois do almoço do domingo. E eu que pensei que estava livre dela, depois que fui vacinado. Foi uma vacinação já meio tarde mas de qualquer maneira ela deve estar valendo. Mas, bem que a enfermeira do Posto de Saúde me preveniu: ”A vacina só pega se o senhor tiver uma gripezinha nos próximos 20 ou 30 dias”. O meu único comentário, pensado mas não dito da boca prá fora: “Prá que diabos então eu estou tomando vacina?”

Gripe talvez seja a única “doença” que todo mundo pega, passa um ou dois dias com ela, e depois dá-lhe um chute: tá bom demais, tá de bom tamanho. Até o tratamento é diferente dos tempos d`antanho. Hoje você combate a gripe tomando um copo d´água com limão espremido dentro dele. Não precisa nem ser um copo cheio. Basta um pouco e daí a pouco você está bem melhor.

Se persistir, você procura uma farmácia e pede ao atendente alguma pílula milagrosa para combater a gripe que está chegando. A gripe é a única doença que não dá para esconder: você fica com cara de sono, o corpo mole e quente, como estivesse febril. A recomendação de todo mundo é: vá para casa,  deite-se enrolado num lençol que logo passa. Desse jeito,  diz o médico improvisado, a febre não chega a lhe pegar. “E em hipótese alguma beba gelado!”, a última recomendação

É bem melhor de quando eu era menino. Ao menor sinal de gripe, vinha a recomendação: “Vamos ali na farmácia para tomar uma injeção”. Essa recomendação eu já conhecia, e a injeção também. Era a célebre “ozonyl”, uma pestinha pequenina mas que doía para caramba. Para não deixar o braço inchado, o recomendável era tomá-la numa das duas partes da bunda. Seja como for, a ozonyl doía feito uma praga.  Mas, era boa de resultado: não havia gripe que resistisse a dois ou três dias. Era tiro e queda... E não custava caro. Cheguei a compra-la por uma moeda de centavos...




Tópicos Recentes