02/07/2018 as 13:27

Mitos e benefícios da masturbação masculina

Por Stephany Elza

Conversa Íntima

Psicologia, Sexualidade e Relacionamento
Por Stephany Elza
Fonte: ella intima<?php echo $paginatitulo ?>

No texto anterior conversamos sobre os benefícios da masturbação feminina, e é claro que a saúde masculina não foi esquecida. No universo masculino a sexualidade não costuma ter grandes restrições, na verdade, desde criança os meninos já são estimulados a “trabalhar” sua virilidade sexual, diferente das meninas que são repreendidas.

“Que linda barriga, já sabe o sexo do bebê? – Sim, é um pintudo igual o pai”
“já arranjou namoradinha na escola, filho?”(se a namoradinha ou, “paquera” tem nome, isso raramente importa...)
“Segurem suas cabritas, que meu bode está solto!!”

Na adolescência com as mudançasfísicas e os excessos de hormônios, acontece a semenarca (primeira ejaculação), que pode ser na polução noturna (ejaculação espontânea durante a noite) ou através de masturbação. E essa ultima opção acaba se tornando cada vez mais frequente nessa idade.

Mas a falta de educação sexual às vezes traz algumas dúvidas para essa rapaziada. Confira a seguir os mitos e os benefícios da masturbação:

MITOS

-Masturbação não mata, o que realmente pode acontecer é morrer de inanição, mas para isso a pessoa precisaria ficar se masturbando em um modo frenético e ininterrupto por horas ou até dias, sem alimentação, algo pouco provável de acontecer;

-Masturbação demais não causa espinhas. Esse problema dermatológico é provocado pelo excesso de oleosidade na pele, como também pela demasiada produção hormonal;

-Não causa infertilidade, na verdade o que ocorre é justamente o contrário, os testículos são estimulados a produzir mais espermatozoides;

-A libido não diminui com a pratica da masturbação, o efeito é reverso, o desejo tenderá a aumentar, desde que não haja excesso. Confira o também o texto: Vamos falar sobre vício em pornografia?  

BENEFICIOS

- Previne infecções e outras doenças, o orgasmo provoca a liberação de endorfina e cortisol, melhorando o sistema imunológico.

-Dê adeus à ejaculação precoce, exercitar esse membro fará com que o homem consiga ter mais controle sobre o orgasmo e a ejaculação, melhorando o tempo e a qualidade da relação sexual a dois;

-Tenha uma boa noite de sono após se masturbar, o orgasmo relaxará seus músculos, o que ajudará a dormir mais fácil;

-A média de 3 a 5 masturbações semanais pode prevenir a disfunção erétil e incontinência urinária, pois os músculos da região pélvica se manterão em atividade;

-Melhora o humor e também é a única forma de sentir prazer que tem 100% de garantia de não contrair uma doença ou mesmo uma gravidez.

Fazer sexo é diferente de se masturbar, não só na sensação, como também no autoconhecimento, descobrindo os pontos mais sensíveis e excitantes, o que facilita no orgasmos e o que atrapalha, se tornando um momento único de se amar.

 

 

Psicóloga Stephany Elza – CRP: 3224
79-998269301
stephanyelza@hotmail.com

 




Tópicos Recentes