POLÍTICA

20/09/2018 as 09:36

#Segueolíder? PT “infla” o terror no País, mas Bolsonaro se mantém em ascensão!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

Desde as denúncias envolvendo o “Mensalão”, o “Petrolão”, o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff – batizado de golpe – até a condenação e prisão do também ex-presidente Lula que o Partido dos Trabalhadores se coloca para o País como uma legenda “vitimizada”, “perseguida pelo Judiciário, pelo Congresso e pela imprensa”, tudo sob forte articulação do agora ex-aliado e presidente da República, Michel Temer, do hoje não mais “tão adversário” MDB, com a participação direta de outros partidos e parlamentares aliados. Em síntese, o mundo político “conspira” contra o PT!

 

Com a conivência de alguns setores da imprensa, de uma série de artistas e formadores de opinião, de professores (quem diria), a militância petista, infiltrada nos movimentos sociais, promoveu com muito êxito, diga-se de passagem, o Movimento #EleNão e #Ele Nunca, com o objetivo direto de desgastar e inviabilizar a candidatura do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) que, por enquanto, lidera com folga todos os levantamentos feitos no País, e se encaminha para um segundo turno, ainda em ascensão, mesmo internado em um hospital particular em São Paulo (SP).

 

Não custa lembrar que desde o dia 6 de setembro que Bolsonaro está literalmente afastado da campanha eleitoral após levar uma facada na região abdominal enquanto era carregado por um apoiador em uma ampla caminhada em evento realizado no município de Juiz de Fora (MG). Se passaram 15 dias e, mesmo sob fortes ataques de seus opositores, em especial da militância mais de Esquerda, o presidenciável segue à frente na disputa, apresentando uma evolução mais moderada, mas contínua, ou seja, independente dele participar ou não dos atos políticos e entrevistas.   

 

E aqui este colunista não está dizendo que concorda com tudo o que diz e propaga Bolsonaro, mas olhando friamente para o cenário, se uma possível vitória dele promove tensões em alguns movimentos sociais e a setores da sociedade civil organizada, respeitando a soberania popular (algo tão cobrado e bradado pelo PT) e o direito democrático do “livre votar”, o Movimento contra o presidenciável extrapola a racionalidade e parte-se para um “campo” perigoso, onde o Partido que se diz “mais democrático” do País estimula o “ódio” contra um adversário.

 

Da mesma forma que o PT se diz “perseguido” pelas instituições constituídas, não soa como “covardia” um ataque estrategicamente direcionado contra um candidato que sequer pode se defender, porque foi vítima de um atentado supostamente cometido por alguém “contaminado” por esse ódio? O cidadão brasileiro precisa ter o direito de exercer sua cidadania, sem interferências, sem direcionamentos. Como se comportariam o Partido dos Trabalhadores e aliados sem os adversários promovessem, durante a campanha, um Movimento #Lulabandido e #Lulapreso, por exemplo?

 

Este colunista tem a consciência que este comentário terá uma série de interpretações, e a primeira delas é que este comunicador seria mais um apoiador de Jair Bolsonaro. Se fosse, como cidadão, não deixaria de ser algo legítimo. Mas o intuito é ampliar uma discussão do que realmente interessa para o futuro do País. O voto é livre, as manifestações também são e, por isso, qualquer adesão ao presidenciável do PSL deve ser encarada como mais atenção e menos ódio. Já temos violência demais no Brasil, e um dos gestos mais “antidemocráticos” praticados na em toda a nossa história política veio de um militante de Esquerda que motivou Bolsonaro e seus apoiadores olharem no “retrovisor” e provocarem com o Movimento #Segueolíder...

 

Veja essa!

Não chamem para a mesma mesa o ex-secretário de Saúde da PMA, André Sotero, e a então consultora extraordinária para Assuntos Governamentais junto à Secretaria, Mônica Passos. Essa semana eles se reencontraram na “acareação” da CPI da Saúde, na Câmara Municipal.

 

E essa!

A informação é que, após o término das acareações, André Sotero teria se dirigido em direção ao grupo da PMA e foi hostilizado por Mônica, aos gritos de “hipócrita”. Não fosse a secretária de Saúde para controlar os ânimos...

 

Rogério x Jackson

Declarada a “guerra” entre Rogério Carvalho e Jackson Barreto, pelo visto o petista abandonou completamente a campanha de seu colega de chapa. Dentro do governo pessoas próximas de JB temem ser ultrapassadas por Rogério, porque não haveria muito tempo de reação...

 

Marketing bem feito

Este colunista tem acompanhado a campanha eleitoral, no rádio e na tv, e reconhece que o marketing do candidato Rogério Carvalho tem apresentado um quadro de evolução – e de aprovação popular. Há um nítido trabalho para “quebrar a rejeição” do petista e o material produzido tem boa repercussão.

 

Pague meu dinheiro I

O assunto circulou em todas as rodas políticas nos últimos dias: por falta de pagamento de uma campanha majoritária em Sergipe, uma conhecida produtora “bateu o cadeado” na segunda-feira (17) e os profissionais “cruzaram os braços”. O dono, segundo informações, teme um calote...

 

Pague meu dinheiro II

Chamou tanta atenção o “veto” que, segundo informações passadas a este colunista, um candidato proporcional, que chegou com sua equipe para gravar, não teve direito nem a se maquiar. Como o pagamento do dinheiro (ou parte dele) saiu, na terça-feira a produtora retomou suas atividades.

 

Exclusiva!

Esta mesma candidatura majoritária, até onde se tem conhecimento, está em débito com um profissional conhecido em Sergipe, por produzir pesquisas eleitorais para consumo interno. A solução foi suspender todos os levantamentos até que os pagamentos sejam regularizados. A preocupação é com a reta final até o dia 7...

 

Acorda Eunice!

É ilusão apostar na mudança do comportamento do eleitor sergipano. Ele está insatisfeito, mas não tão exigente...Em tempos de crise, quando a “farinha é pouca”, a gente já sabe: a famosa “boca de urna”, conhecida na véspera de cada eleição, tem sido “antecipada” desta vez, o dinheiro “corre solto”. É melhor falar baixinho para não acordar a procuradora eleitoral...

 

Capela I

O ex-prefeito de Capela, Ezequiel Leite (PR), chama a atenção da opinião pública para mais um descaso da administração da prefeita Silvany Mamlak: dezenas de famílias carentes, que foram retiradas das casas de taipa, foram esquecidas pela gestão municipal e agora correm o risco de serem despejadas dos imóveis que ocupam, por falta de pagamento dos alugueis ou por pendências financeiras com a Caixa Econômica Federal (CEF).

 

Capela II

Segundo Ezequiel, as famílias foram enganadas pelo grupo político que comanda a prefeitura de Capela. “Tiraram dezenas de famílias das casas de taipa com a promessa de que a gestão daria casas populares, erradicando a pobreza. A prefeita colocou essas pessoas em imóveis de particulares, mas não está honrando os alugueis que não passam de R$ 200 por casa e os proprietários estão pedindo as chaves de volta, estão ameaçando despejar essas famílias que não terão mais para onde ir”.

 

Cobrança

Ezequiel acha que o momento é de deixar a campanha eleitoral de lado e tentar encontrar uma solução para essas famílias. “Imagine o desespero dessas famílias? E a prefeita no mundo da fantasia! Ela foi eleita para resolver os problemas do povo de Capela e não para viver um romance ou para ser cabo eleitoral. Além de não pagar o aluguel desses imóveis, recebi a informação que alguns deles estão em débito com a Caixa Econômica Federal que ameaça retomar a posse e expulsar esses inquilinos”.

 

Ezequiel Leite

Por fim, o ex-prefeito disse que é obrigação de Silvany Mamlak encontrar uma solução definitiva para essas famílias carentes. “Ela (prefeita) prometeu casas populares a essas pessoas, retirou as famílias de suas casas de taipa e agora nem paga o aluguel dos imóveis! Se a Prefeitura não agir rápido essas pessoas serão despejadas e isso é vergonhoso para a administração e traumático para os pais de família”.

 

Eduardo Amorim I

“Em nosso governo, o Turismo receberá atenção especial’. Esse foi o compromisso firmado por Eduardo Amorim (PSDB), candidato ao Governo do Estado, com o Trade Turístico durante o Fórum “O Futuro do Turismo em Sergipe”, promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis Sergipe (ABIH-SE) em parceria com entidades ligadas ao setor.

 

Eduardo Amorim II

O candidato apresentou as propostas que constam em seu Plano de Governo e que serão implantadas para o desenvolvimento do Turismo e se comprometeu em atender as demandas da área. O candidato salientou que o diálogo com o Trade Turístico será permanente e institucionalizado. “Uma gestão compartilhada da Setur, discutindo políticas, construindo o planejamento das ações e ouvindo o segmento quando das indicações para os cargos do turismo”.

 

Valadares Filho I

Ao expor seu Programa de Governo para o setor durante o Fórum, o candidato da coligação "Um Novo Governo para Nossa Gente", Valadares Filho, foi aplaudido pelos representantes do trade presentes ao evento, especialmente quando afirmou que não há a mínima possibilidade de extinção da Secretaria Estadual de Turismo e que não haverá ingerências políticas na escolha do ocupante da pasta.

 

Valadares Filho II

“Nossa ideia é fortalecer o turismo sergipano, uma grande fonte de renda e geração de empregos se bem gerido", falou o candidato após expor as principais ações a serem adotadas para reconstruir o setor. Conforme garantiu, a secretaria deverá ser requalificada, priorizando o perfil técnico dos profissionais, e a escolha do gestor será compartilhada com o trade.

 

Ulices Andrade

O presidente do Tribunal de Contas de Sergipe, conselheiro Ulices Andrade, recebeu o Título de Cidadão Propriaense, em sessão solene realizada na Câmara Municipal da cidade ribeirinha. A concessão da honraria foi uma iniciativa do vereador e presidente da Casa, Aelson Publicidade.

 

Coronel Rocha

Candidato a deputado federal, o Coronel Rocha (REDE) recebeu o apoio do Presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais, Luís Boudens, que em vídeo encaminhado a Sergipe, pede o apoio da categoria para o seu projeto político. O apoio se deve ao comportamento de Rocha no combate à corrupção.

 

IPTU

O Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) adiou o julgamento de ressarcimento por todo valor pago indevidamente pelo IPTU dos contribuintes entre os anos de 2013 e 2016. A ADIN, que foi solicitada pelo PSB, julgou o IPTU de Aracaju abusivo e inconstitucional, no início deste ano. Ainda não tem data prevista para o próximo julgamento.

 

Elber Batalha I

O presidente Municipal do PSB e vereador, Elber Batalha, disse que o desembargador Alberto Romeu foi muito sensato em seu voto ao dizer que dos seis Embargos de Declaração, quatro não deveriam ser conhecidos. “Ele entendeu que a Prefeitura de Aracaju não tem legitimidade para interpor Embargos de Declaração, de forma acertada, ao meu ver. O desembargador decidiu também que darão andamento apenas a dois embargos; o do PSB, onde pedimos que as pessoas sejam ressarcidas do valor pago abusivamente nos governos de João Alves e Edvaldo Nogueira, além da ineficácia imediata da lei, a partir de sua publicação”, explicou.

 

Elber Batalha II

Mas, segundo Elber Batalha, o que mais causou espanto aos presentes à sessão do Pleno do TJ foi o Embargo de Declaração do PCdoB, partido do prefeito Edvaldo Nogueira. “Vejam que absurdo. O PCdoB interpôs um Embargo de Declaração dizendo que não quer mais anular o IPTU e ainda não quer nem o ressarcimento e nem que o contribuinte tenha o crédito debitado dos futuros IPTU’s. Mais um ato de incoerência do partido do prefeito Edvaldo Nogueira que, de autor virou réu e, mostra a população que tudo o que ele dizia antes, podem passar uma borracha”, lamenta.

 

Dr. Gonzaga

Em pronunciamento na Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), o vereador Dr. Gonzaga (MDB) falou sobre a importância do “Setembro Violeta”. "De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo vivam com a doença de Alzheimer (DA) que é o tipo mais comum de demência e atinge, principalmente, pessoas acima dos 60 anos. A doença não é reversível e nem tem cura, por isso é necessário um diagnóstico eficiente e rápido para prevenções".

 

Vinícius Porto

“As intervenções feitas rotineiramente pela administração municipal, através da Empresa Municipal de Urbanização asseguram relevantes melhorias para a população aracajuana”. É o que destaca o vereador Vinícius Porto sobre a presença da Prefeitura de Aracaju em vários pontos da capital. “As melhorias que chegam aos bairros é resultado do compromisso do prefeito Edvaldo Nogueira com o povo de Aracaju. Nunca vi tantos investimentos realizados em nosso município”.

 

Emília Corrêa I

A vereadora e defensora pública Emília Corrêa (Patriota) voltou a defender maiores espaços para mulheres dentro dos partidos políticos, bem como nos espaços de fala e decisões partidárias destacando o esforça feminino para se destacar na sociedade. “A gente sabe e acompanha muitas mulheres se destacando em vários setores da sociedade, muitas delas se esforçando para vencer sendo muita das vezes puxada para baixo, mas conseguem superar as dificuldades criadas em sua maioria dentro do próprio lar”.

 

Emília Corrêa II

“Mas o que me chama atenção é a desvalorização feminina dentro dos partidos políticos, a lei em si determina uma cota de 30% para participação feminina, o que deveria ser 50%. Mas existe uma incoerência nessa porcentagem porque na maioria dos partidos elas estão lá só para cumprir a obrigação da cota, mas não lhes são oferecido apoio ou assistência, muitas vezes nem material ela tem para a campanha ”, destacou a vereadora.

 

Maria Mendonça I

A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) demonstrou a sua preocupação com o aumento da violência em Propriá, município localizado no Baixo São Francisco. “Não podemos permitir que uma cidade tão importante fique à mercê da criminalidade. Aliás, infelizmente, essa é uma situação vivida por toda a população sergipana. Seja na capital ou no interior, a realidade da segurança pública é aterrorizante. E o mais grave é que, apesar do empenho dos nossos policiais, não vemos o Governo se movimentar para mudar esse quadro”, afirmou. 

 

Maria Mendonça II

Maria ressaltou que Sergipe, apesar de ser o menor Estado do país, tem uma das maiores taxas de homicídios por 100 mil habitantes: 64,7, conforme o Mapa da Violência divulgado este ano. “O Estado de São Paulo, que é muito maior do que Sergipe, aparece com um índice de 10,9 homicídios por 100 mil habitantes no mesmo período. Não podemos fechar nossos olhos para a violência que vem aumentando, não só em Propriá, mas em muitos municípios sergipanos”, comentou.

 

João Daniel I

O deputado federal João Daniel (PT) participou de Roda de Conversa com mulheres de vários movimentos sociais, juventude e de religiões de matriz africana. O encontro aconteceu na sede do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores, quando as mulheres declararam apoio à candidatura à reeleição de João Daniel.

                        

João Daniel II

Durante o ato, as mulheres entregaram a João Daniel uma Carta Pública com uma pauta composta por várias demandas de compromissos com políticas públicas voltadas para as mulheres, para o seu futuro mandato. Entre elas, ações que dizem respeito diretamente ao seu mandato e outras para contar com seu apoio em ações que são de responsabilidade do Poder Executivo.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 




Tópicos Recentes