18/12/2018 as 06:45

Belivas irritado

"Como é que querem que eu pague o décimo terceiro e, ao mesmo tempo, R$ 100 milhões da previdência?"

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
<?php echo $paginatitulo ?>

O Governador do Estado Belivaldo Chagas (PSD),  demonstrou irritação após ser diplomado na noite de ontem no Teatro Atheneu. Belivaldo, disse estar preocupado com as finanças do Estado, como também comentou sobre as criticas que vem recebendo pelo fato do governo não pagar 100% da folha do funcionalismo publico estadual dentro do mês. “Fiz a campanha falando a verdade, muito diferente de quem dizia que pagaria dentro do mês, não vai pagar porque não se elegeu, e não pagaria se fosse eleito. Se tivesse conhecimento da realidade do estado não falaria besteira”, disse um governador irritado, já com o diploma na mão.  Belivaldo disse ainda, que “fará o governo mais transparente da história de Sergipe, mostrando aos sergipanos não só o que arrecadar, mas o que gastar. Tudo será mostrado, para que eu tenha apoio da população. Tem um déficit de R$ 40 milhões de reais hoje, assumi era de 50. O custeio era 80 baixamos para 50. Vou ter um déficit da previdência, a partir de janeiro, de R$ 100 milhões por mês. Estão querendo que eu faça milagre. Mas não prometi milagre. Fui verdadeiro”.

O governador afirmou que não existe dinheiro para resolver todos os problemas do estado, “como é que querem que eu pague o décimo terceiro e, ao mesmo tempo, R$ 100 milhões da previdência? R$ 1,2 bi, em 2019, para tapar o buraco da previdência? Se todos não derem as mãos, não vamos conseguir. Por isso eu vou mostrar à população como a situação se encontra”, disse. Belivaldo esqueceu de dizer que o seu atual governo peca na transparência; o governo do estado mais parece uma caixa preta, é difícil buscar informações no Portal da Transparência do governo do Estado, quero também lembrar ao governador que pagar a folha dentro do mês é uma obrigação patronal, se não estiver conseguindo ajuste, Sergipe e seus servidores é que não podem passar por esta humilhante situação, quero lembrar também governador, que na campanha o Senhor não prometeu pagar dentro do mês já em janeiro, mas em um dos seus compromissos de campanha está o pagamento do servidor na data correta. Por fim, governador, uma economia de R$ 10 milhões proposta na sua reforma administrativa é uma gota dágua no oceano que o Estado paga para manter a sua folha em dia.

DOIS PESOS E UMA RUMA DE MEDIDAS

Reeleito deputado estadual por Sergipe, nas eleições gerais de outubro, o itabaianense Luciano Bispo (MDB), que teve seu registro de candidatura indeferido no último dia 13 de novembro pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Luciano foi diplomado normalmente nesta segunda-feira (17), no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O registro de candidatura de Luciano foi indeferido em função de pedido do Ministério Público Federal que considera ter havido prática de ato doloso de improbidade administrativa, que causou dano ao erário público e enriquecimento ilícito de terceiros durante a sua gestão enquanto prefeito de Itabaiana (SE). Enquanto isto vou contar Noventa vezes.

UM CANTO PRA CHAMAR DE SEU

O governador Belivaldo Chagas (PSD) e o presidente estadual do PT, senador eleito Rogério Carvalho, se reunirão nesta terça-feira, 18, para definir a participação do partido no segundo governo. Quem deve sair fortalecida deste encontro é a vice governadora eleita Eliane Aquino. Mesmo se não tiver muito o que fazer, Eliane vai ter um canto pra chamar de seu, o Palácio de Despachos. O governador vai dar expediente no antigo Palácio de Veraneio. Em tempo, para não perder a graça, o governador não sabe nadar e mandou tapar a piscina.

ANA LULA

A deputada estadual Ana Lúcia (PT), ou simplesmente “Ana Lula”, que está encerrando seu quarto mandato parlamentar, subiu à tribuna da Assembleia Legislativa, essa semana, para se despedir não apenas de seus pares, mas também agradecer e ser abraçada pelos profissionais do Magistério, pela militância do Partido dos Trabalhadores, pelas diversas entidades sindicais e movimentos sociais que sempre deram altivez ao seu mandato parlamentar e que sempre valorizaram suas lutas.  “Minha opção política, minhas concepções e meu compromisso com a luta popular pela construção de uma sociedade mais justa e igualitária, jamais permitirão que eu deixe de continuar aproveitando qualquer espaço de natureza pública, como é o caso dessa tribuna, para empreender a defesa do bom, do justo e do melhor, sempre na perspectiva de combater a opressão e a iniquidade, que tristemente caracterizam a nossa sociedade”.

FORÇA TAREFA

O secretário de Estado da Casa Civil, José Carlos Felizola, se reuniu com o prefeito de Tobias Barreto, Diógenes Almeida, com o objetivo de discutir a formação de uma força-tarefa que reforce o sistema de abastecimento de água do município, devido à grave situação da barragem. Segundo o secretário, a atual barragem que abastece a cidade está num volume morto, e as chuvas que caíram nos últimos meses não foram suficientes para elevar o volume de água. “Infelizmente, com essas chuvas que caíram no estado, a barragem não foi beneficiada. Choveu muito pouco na cabeceira. Porém, não podemos deixar que um município tão importante como Tobias fique desabastecido. Estamos buscando água através de poços na Bahia, no município de Itapicuru, e de uma adutora que está sendo feita em caráter emergencial. Em paralelo, nós estamos nos precavendo caso a barragem chegue a um volume de impossibilidade de abastecimento e essas obras não fiquem prontas em tempo hábil”, frisou o secretário.

OBRA DO ACASO

O depoimento de João de Deus, de 76 anos, na noite de  domingo (16), em Goiânia, teve uma sequência de imprevistos que deixou os investigadores desconfiados. Na hora de o médium falar, segundo os presentes, o computador usado para registrar as alegações do preso parecia ter vida própria. "Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO...", descreveu a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil. Estava calor, e a própria delegada resolveu usar uma extensão para ligar o ar-condicionado. Segundo relata a investigadora, o fio explodiu e, de quebra, queimou o frigobar. "Todo mundo gritou dentro da sala." A oitiva com o médium estava marcada para ocorrer em Anápolis, cidade próxima à capital goiana, mas um imprevisto tirou o escrivão de circulação. Ele foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço.

SEGUNDA INSTÂNCIA

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, marcou para o dia 10 de abril do próximo ano o julgamento do mérito de ações que tratam da possibilidade de execução provisória de pena - como a prisão - após condenação em segunda instância, considerada um dos pilares da Operação Lava Jato. Cabe ao presidente da Suprema Corte definir os processos que serão analisados pelos 11 integrantes do tribunal nas sessões plenárias. A informação foi divulgada por Toffoli na noite desta segunda-feira, 17, durante jantar em Brasília com repórteres que cobrem as atividades do STF.

 

 




Tópicos Recentes