24/01/2019 as 16:37

Os Calouros e os Veteranos

Ponto de Vista, por Ivan Valença

Ponto de Vista

Política
Por Ivan Valença
Foto: (Jornal do Concurseiro).<?php echo $paginatitulo ?>

Na solenidade de amanhã a oito dias, a Assembleia Legislativa  empossa os 24 deputados, sendo que metade deles é de parlamentar eleito pela primeira vez  para o Palácio Fausto Cardoso. Mesmo que o deputado Luciano Bispo seja impedido de assumir a cadeira que conquistou com mais de 30 mil votos, o seu substituto é outro veterano,  o deputado Robson Viana. Assumem pela primeira vez como deputados os senhores Adailton Martins, Dilson de Agripino, Diná Almeida, Doutor Samuel, Ibraim Monteiro, Iran Barbosa, Janier Mota, Maisa Mitidieri, Rodrigo Valadares, Talysson de Valmir e Zezinho Sobral. Voltam a bater ponto no Legislativo Estadual , os seguintes deputados: Capitão Samuel,  Francisco Gualberto, Garibalde Mendonça, George Passos, Gilmar Carvalho, Goretti Reis, Jeferson Andrade, Luciano Pimentel, Maria Mendonça, Vanderbal Marinho e Zezinho Guimarães. A dúvida é Luciano Bispo. Cassado pelo TSE ele recorreu ao STF, mas até o momento em que botamos no papel estas mal traçadas linhas, ele ainda não tinha sido liberado. Se for mantida a decisão anterior, o ainda deputado Robson Viana assume em seu lugar. .

Posse no Tribunal de Justiça

Também na sexta-feira da próxima semana, em solenidade marcada para o auditório José Rollemberg Leite, do Palácio da Justiça Tobias Barreto, toma posse a nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe. Assumem os desembargadores Osório de Araújo Ramos Filho, Alberto Romeu Gouveia Leite, Elvira Maria de Almeida Silva, nos cargos de Presidente, Vice-Presidente e Corregedora Geral da Justiça, respectivamente.  A solenidade está marcada para as dezessete horas do dia 1º de fevereiro. Quer dizer, aquela “travessa da Assembleia”  na praça Fausto Cardoso vai ficar congestionada de autoridades, primeiro pela posse eo Legislativo, depois pela posse das novas autoridades do Tribunal de Justiça. De pés ainda vai ser possível chegar a Assembleia e ao Tribunal de Justiça. De carro, talvez nem de carona. Talvez seja melhor deixar o carro em casa e ir de táxi ou de uber, para as duas solenidades.  Esta solenidade no Tribunal de Justiça eu não posso perder: o dr. Osorio, filho do meu dileto amigo Osorinho, foi meu colega no “Diário de Aracaju” no tempo em que ele se aventurou no mundo jornalístico e ainda namorava a sua mulher de hoje, a “santa” Vera Lúcia.

 

 

 

 

Por Ivan Valença




Tópicos Recentes