14/03/2019 as 05:39

Rogério, Nordeste e o PT, tudo a ver

O senador petista deve a Nordeste Comunicação cerca de hum milhão de reais

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
<?php echo $paginatitulo ?>

A função de um senador da república é de propor e discutir leis, fiscalizar o governo, aprovar autoridades, processar e julgar autoridades e autorizar ou não, empréstimos para estados, além de outras funções. Em épocas de crise financeira, esse papel de regulamentador e fiscalizador de dívidas do Estado é ainda mais importante. Em 2014, enquanto concorria a uma vaga no Senado Federal, o então candidato e presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) em Sergipe, Rogério Carvalho, gastou pouco mais de R$ 1,1 milhão em despesas gráficas junto a uma microempresa do setor. Rogério ficou em segundo lugar no pleito, com 416.988 votos e não conseguiu se eleger, uma vez que as eleições de 2014 ofereciam apenas uma vaga no senado. Desta dívida gerada na campanha de 2014, apenas R$320 mil foram pagos, restando ainda um saldo devedor que ultrapassava, na época do débito, R$ 840 mil. Depois de inúmeras tentativas de contato com Rogério Carvalho e também com o Partido dos Trabalhadores para receber a quantia devida, a empresa Nordeste Comunicação Visual LDTA – ME entrou na justiça, em 2015, para tentar receber o valor devido pelo então candidato e hoje senador.

A decisão publicada no Diário de Justiça em 03 de agosto de 2016, e com sentença transitada julgada em 30 de agosto do mesmo ano, condena o PT a pagar o valor devido com correção, fazendo com que a quantia superasse R$ 1 milhão, além de quitar as custas processuais e verbas honorárias estipuladas em 20% sobre o valor cobrado. Mais de dois anos após a decisão da justiça e quase cinco anos após a dívida ser contraída, a microempresa ainda não recebeu os valores determinados. Rogério Carvalho inclusive concorreu ao Senado nas eleições de 2018, e foi eleito representante do estado de Sergipe. Chama a atenção em todo o processo, o fato de o PT ter sido condenado a pagar uma dívida pessoal da campanha de Rogério. Na época, Rogério era presidente da sigla e fez com que o Diretório assinasse um documento se responsabilizando como devedor solidário. Como o débito junto a gráfica não foi quitado, o partido é quem está sofrendo com as consequências. A sede do Diretório foi penhorada e está prestes a ser adjudicada pelos credores. A microempresa Nordeste Comunicação Visual LTDA segue em sua luta para receber os valores a que tem direito e, devido a este prejuízo, somado com a crise financeira que assola o país, está praticamente com as portas fechadas. Já Rogério Carvalho, que foi eleito senador pelo PT na última eleição, segue se esquivando da justiça e de seus cobradores, usando de sua nova função política como justificativa para não pagar a quem deve.

Transcrito do Portal alonews.com.br

BYE BYE PT

Segundo informações de bastidores, obtidas pelo Jornalista Diógenes Brayner, o vice presidente da Assembleia Legislativa Francisco Gualberto (PT), estaria querendo deixar o partido, ao qual está filiado há anos, e pode ingressar no PSD, que lhe abriu às portas. Gualberto estaria chateado com desavenças internas dentro do seu velho partido, que começaram com a indicação do secretário da Agricultura e logo em seguida teve uma discussão forte com o colega Iran Barbosa (PT). O  pronunciamento feito ontem por Francisco Gualberto, favorável ao prefeito Edvaldo Nogueira e sua candidatura à reeleição, ampliou as especulações dentro do PT sobre a troca de legenda do atual líder do Governo.

PPPs

O governador Belivaldo Chagas anunciou que serão formalizadas Parcerias Público-Privadas (PPPs) para administração da Central de Abastecimento de Itabaiana (Ceasa) e do Centro de Convenções de Sergipe. “O governo do Estado fez a sua parte, construiu uma Ceasa moderna, funcional. Temos condições de estar entregando a Ceasa de Itabaiana à população nos próximos 90 a 120 dias e vamos trabalhar para que seja feita uma Parceria Pública Privada(PPP). Da mesma forma será feito em relação ao Centro de Convenções, já que o Estado não tem condições”, disse Belivaldo ao afirmar que a gestão do setor privado garante investimentos e melhorias que o Estado é limitado em fazer. 

SAUDE

Belivaldo comentou, também, a respeito de especulações sobre mudança no Secretaria de Estado da Saúde e afastou qualquer possibilidade de alteração na Pasta. “Em nenhum momento eu disse que estava querendo tirar o Secretário de Saúde. Até este momento, ele goza da minha inteira confiança. Ontem mesmo, estivemos juntos e fizemos uma reunião de avaliação da visita do pessoal de Barretos aqui. Portanto, o Dr. Valberto continua seguro em seu cargo”, afirmou. Ainda durante o programa, o governador compromeeu-se que fará visitas técnicas às delegacias estaduais, assim como tem feito na área da saúde e educação. “Farei visitas técnicas às delegacias, de surpresa, como foi feito com os hospitais regionais”, disse.

ITABAIANA

Uma multidão de pessoas se aglomerou na frente da Prefeitura de Itabaiana para receber, com bastante animação, o prefeito do município, Valmir de Francisquinho, afastado do cargo há quatro meses. A comemoração acontece desde terça-feira, 12, quando o Tribunal de Justiça de Sergipe decidiu pela volta do gestor ao cargo escolhido pelo o povo. “Nunca vi uma festa durar por dois dias. Estamos felizes. Valmir é um homem trabalhador, merece voltar ao lugar que é dele, porque fomos nós que o colocamos aqui”, disse Fábio Machado Lima. Sob gritos de alegria, cantorias e frases como “Volta, Valmir”, Valmir de Francisquinho chegou à sede da prefeitura por volta das 12h30. Bastante emocionado com o carinho do povo, o político ganhou um imenso abraço da população, entre idosos e crianças. Foi quase impossível a imprensa aproximar-se dele, de tanta gente que disputava um espaço da Praça Fausto Cardoso para abraçá-lo.

SEGURO PESCA

Mais de 173 mil pescadores de todo o país estão sem receber o Seguro Desemprego do Pescador Artesanal. Em Sergipe, são nove mil pessoas que passam pela dificuldade no recebimento desse benefício. Essa é uma assistência financeira temporária, no valor de um salário mínimo, concedida ao pescador que exerça sua atividade de forma artesanal durante o período de defeso. Preocupados com essa situação, o deputado Federal Fábio Henrique (PDT/SE); o presidente da Confederação Nacional dos Pescadores, Walzenir Falcão; e o representante da Federação de Pescadores em Sergipe, José Marcos, estiveram na sede do INSS e no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, na manhã dessa quarta (dia 13). O resultado das reuniões é que, em 30 dias, todas os pescadores terão os seus cadastros analisados e o pagamento liberado.

CCJ

A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) será formada majoritariamente por parlamentares favoráveis ao governo, mas votação da reforma da Previdência não deve ser fácil no colegiado. Com 66 membros, o colegiado terá 39 vagas para os partidos membros do bloco que se formou em torno da reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ), principal fiador da proposta de mudança das regras da aposentadoria no Congresso. Além disso, destas, sete irão para o PSL, partido de Jair Bolsonaro, que também ocupará a presidência e a vice-presidência, com os deputados Felipe Francischini (PR) e Bia Kicis (DF), respectivamente.

 




Tópicos Recentes