18/10/2019 as 05:58

No trem Belivaldo estava.

Secretário genro do governador, só esqueceu de dizer que o governador era um dos passageiros do famoso trem.

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
FAN F1<?php echo $paginatitulo ?>

O secretário Geral do Governo, José Carlos Felizola, fez duras críticas ao ex-senador e ex-governador Antonio Carlos Valadares, responsabilizando-o pelo inchaço da máquina administrativa e pelo “trem da alegria” feito por ele enquanto governador. Felizola disse durante a entrevista que concedeu na manhã desta quinta-feira (17) ao radialista Narcizo Machado, no jornal da Fan, Felizola disse que “foram alguns vagões cheios de gente”, ironizou o secretário, afirmando que “não estamos reclamando, apenas fazendo uma constatação de um fato histórico”. Para Felizola, o então governador Valadares teria inchado a máquina administrativa, já que à época era possível nomear um servidor sem concurso público e que ao final, esse acabava se efetivando, isso antes da Constituição de 1.988. O secretário genro do governador, só esqueceu de dizer que um dos ocupantes mais alegres do tão fasmoso trem era seu sogro e atual governador Belivaldo Chagas (PSD).

“Em 1988 e 1989, o estado quadruplicou o número de funcionários. O estado não culpa os servidores, mas sim o Governo de Valadares, que inchou a folha de pagamento. Ele foi o grande responsável pela forma como aumentou o valor da folha de pagamento”, disse o Felizola. Ao comentar se pretendia disputar algum cargo eletivo em Simão Dias, Felizola afirmou que não, mas não perdeu a oportunidade para ironizar.  “Não posso, não quero e não serei candidato a prefeito de Simão Dias. Mas seria bom que Valadares fosse candidato em sua terra. A julgar pelo resultado de seu filho na eleição de 2018, seria uma briga boa”, alfinetou o secretário e aproveitou para lembrar a derrota de Valadares Filho. “Em 2018, o governador Belivaldo Chagas venceu Valadares Filho no primeiro e no segundo turno. No primeiro com 57,11% dos votos. No segundo turno a vantagem foi ampliada, Belivaldo obteve 73,83%  e Valadares 26,17%”, concluiu o secretário.

IMPLOSÃO

O líder do PSL na Câmara dos Deputados, Delegado Waldir (GO), afirmou que pretende “implodir” o presidente Jair Bolsonaro. Na conspiração contra o presidente, ele fala da suposta articulação de Bolsonaro para retirá-lo do cargo de líder do PSL no Legislativo. Waldir é ligado ao presidente do partido, o deputado Luciano Bivar (PE), e tem feito críticas públicas a Bolsonaro. Na conversa gravada, ele disse que divulgaria um áudio comprometedor a Bolsonaro. “Eu vou implodir o presidente. Aí eu mostro a gravação dele. Eu tenho a gravação. Não tem conversa, não tem conversa. Eu implodo o presidente. Acabou o cara. Eu sou o cara mais fiel a esse vagabundo”, diz o líder do PSL. Ele aborda a questão por cerca de um minuto, referindo-se ao presidente com palavrões.

DESPREZO

O vereador Dr. Manuel Marcos (PSDB) ocupou a tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), para comemorar a assinatura da Ordem de Serviço que promoverá as obras de revitalização da Orlinha do Bairro Industrial. O ato ocorreu na manhã de ontem, no local em questão, e fora anunciado que as benfeitorias serão iniciadas daqui há dez dias. “O bairro é também, depois do Santo Antônio, a origem dessa cidade. O bairro Industrial recebeu esse nome porque deu início as indústrias do estado de Sergipe. Está geograficamente localizado às margens do Rio Sergipe e – por muito tempo – foi considerado pela sociedade aracajuana, como ‘Praia de Todos nós’. Então, diante da importância histórica e dentre outros fatores, a localidade merece zelo”, destacou o vereador.

VEÍCULOS

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, entregou um total de 44 veículos a 39 municípios sergipanos destinados à Assistência Social e estes recursos foram conseguidos por André Moura no final do ano de 2018. Os ônibus serão utilizados para o atendimento da Rede de Proteção Social Básica e Especial do Sistema Único de Assistência Social (Suas), a exemplo de realização de exames em outros municípios, transporte de hemofílicos, pacientes em tratamento de hemodiálise e fora do domicílio, assim como os que necessitarem de emissão de carteira de identidade e outros serviços sócio assistenciais. Segundo André, sua indicação foi devido à grande demanda de atendimento, principalmente de idosos e pessoas com deficiência. “Sabemos da dificuldade dos gestores para conseguir transporte a quem precisa se deslocar até Aracaju, por exemplo, para realizar, principalmente, exames de saúde. Foi com a intenção de melhorar essa prestação de serviços que consegui veículos para contemplar 39 municípios”.

TRANSPARÊNCIA

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), conselheiro Ulices Andrade, apresentou ao colegiado no Pleno, desta quinta-feira (17), relatório elaborado pelo órgão acerca de portais da transparência de unidades gestores do Estado e dos municípios sergipanos. No relatório, o governo do Estado se destacou na média do índice de transparência da unidade estatais, passando de 4,6 em 2018 para 8,7 em 2019. Segundo o presidente, o relatório apontou que o governo do Estado obteve relevante melhoria do nível de transparência das unidades estaduais. “A média do poder executivo, que em 2018 era 4,6, considerada deficiente, passou para 8,7 (satisfatória). E a média geral do Estado que era 5,0 passou para 8,8.”, destacou o presidente Ulices Andrade. Os dados são resultados de 49 fiscalizações de portais de transparência de unidades  jurisdicionadas de auditoria assim distribuídos em 5 poderes e órgãos do estado – TJ,  TCE , ALESE, Defensoria, Vice Governadoria do Estado e outras unidades da estação direta e 23 unidades da estação indireta, sendo 9 autarquias, 4  fundações e 10 empresas estatais.

DENGUE E SARAMPO

A Diretoria de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou nesta quinta- feira (17), o novo informe epidemiológico da dengue no Estado onde constam 4.170 casos confirmados de dengue, 1.330 casos continuam em investigação e 4.155 foram descartados. Foram registrados e confirmados 12 óbitos por dengue grave. A confirmação ou descarte dos óbitos depende de minuciosa investigação domiciliar e hospitalar do óbito, das informações dos aspectos clínicos e epidemiológicos do paciente através de resultado laboratorial. Sobre o sarampo em Sergipe, até o momento, são 49 casos notificados, três confirmados, 40 descartados e seis estão em investigação. Até o momento, não houve registro de óbito por sarampo no Estado de Sergipe.  O Sarampo é uma doença viral altamente contagiosa caracterizada por febre, exantema – erupção avermelhada na pele – e sintomas respiratórios, com a possibilidade de complicações graves que podem deixar sequelas ou serem fatais. A transmissão do sarampo é direta, ou seja, de pessoa para pessoa, por meio de secreções expelidas através da tosse, espirro, respiração, e o único meio de prevenção é a vacina. A SES, por meio do Programa Estadual de Imunização, reforça a importância dos pais e responsáveis a levarem as suas crianças com idade entre seis meses a menores de cinco anos para serem imunizadas contra o sarampo. “A vacina é a única forma de prevenção da doença. Não existe outra maneira de evitar o sarampo”, reforçou a gerente do programa, Sândala Teles.

 

 

 

 

 




Tópicos Recentes