CURIOSIDADES

19/04/2018 as 14:52

Cientistas descobrem alga-marinha brilhante

Estudo levanta a possibilidade de o próprio organismo controlar a quantidade de luz que reflete

Foto: (SCIENCE ADVANCES).<?php echo $paginatitulo ?>

Olhando a imagem acima, pode até parecer que alguém derrubou todo o glitter que comprou para usar no Carnaval em cima das pobres algas. Acontece que a característica, na verdade, é do próprio conjunto de organismos.

A confirmação veio de um grupo de cientistas britânicos que compartilharam suas conclusões em estudo publicado no periódico Science Advances.

Na pesquisa, eles explicam que a Cystoseira tamariscifolia tem um brilho próprio, parecido com o de uma opala. Ao analisá-la no microscópio, os cientistas descobriram que a alga possui cristais que refletem a luz dentro de suas células, e que eles colaboram no processo de fotossíntese das plantas.

“Temos joias vivas no meio ambiente”, disse a pesquisadora Heather Whitney, da Universidade de Bristol, em entrevista ao Gizmodo. Ela explica que a alga-marinha geralmente é marrom e pode ser encontrada na Europa e no Mediterrâneo. Dentro das células do organismo, há bolsões de células dentro das quais se encontram estruturas parecidas com o dióxido de silicone das opalas. É a partir delas, a alga ganha uma propriedade iridescente.

O mais curioso é que, de acordo com os pesquisadores, é possível que a alga possa organizar essas estruturas de diferentes formas, praticamente escolhendo como refletir ou não a luz. Isso faz com que ela possa ter tipos diferentes de brilhos, um mais fascinante que o outro.

Segundo Whitney, a descoberta é “só a ponta do iceberg” e que ainda há muito que não sabemos sobre a vida marinha.


O Portal Alô News está querendo a sua opinião. Responda nossa pesquisa, clicando aqui e nos ajude a fazer um portal cada vez melhor pra você.

 

 

 

 

 

Com informações de Galileu.




Tópicos Recentes