ESPORTE

12/09/2018 as 11:43

Cuéllar titular nos EUA e Piris fora: dilema do Fla para Copa do Brasil

Volante está com a seleção colombiana e começou o amistoso contra a Argentina

Foto: (Gilvan de Souza/Flamengo).<?php echo $paginatitulo ?>

 

O volante Cuéllar pode enfrentar uma maratona em dois dias de jogos. Titular da seleção colombiana no amistoso com a Argentina, na noite desta terça-feira, nos Estados Unidos, o jogador pode chegar ao Brasil para enfrentar o Corinthians, nesta quarta-feira, pela semifinal da Copa do Brasil, no Maracanã.

Isso porque, o paraguaio Piris, que vem sendo o substituto imediato do camisa 8, não está inscrito na Copa do Brasil. À época do acerto, no começo de agosto, os documentos necessários não chegaram antes do fim do prazo imposto para que ele pudesse participar da competição.

Cuéllar, que começou jogando, atuou por 61 minutos, tendo sendo substituído pelo também volante Uribe.

Para a posição, o técnico Maurício Barbieri tem como opções Rômulo, que já atuou como primeiro volante - como no caso da partida contra o São Paulo, no Brasileiro -, e o jovem Ronaldo, que não vem tendo muitas chances. Isso pode fazer com que a necessidade para que Cuéllar seja escalado aumente.

O meia Lucas Paquetá, que está com a Seleção Brasileira também nos Estados Unidos e entrou aos oito minutos do segundo tempo no jogo com El Salvador, vive uma situação parecida. Além dos dois rubro-negros, o zagueiro Dedé, que está sob o comando de Tite e defende o Cruzeiro, também virá em um voo fretado pelos clubes de maneira conjunta. O voo está previsto para chegar no Rio de Janeiro às 11h30 desta quarta-feira.

De acordo com Barbieri, Paquetá e Cuéllar vão passar por reavaliações assim que chegarem ao Brasil para que a comissão técnica se saiba em quais condições os jogadores estão e como poderão ser utilizados contra o Corinthians.

Cuéllar chegou ao Flamengo em 2016, mas, sem espaço, quase se despediu da Gávea ao fim da temporada. Com a chegada de Reinaldo Rueda ao Rubro-Negro, porém, passou a ser um dos homens de confiança do time e a situação se manteve em 2018, com Carpegiani e Barbieri.


 

 

 

Com informações de Lance.




Tópicos Recentes