POLÍTICA

03/05/2018 as 02:26

André Moura trabalha para repetir o feito de Eduardo Amorim em 2010!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

Por mais rejeição que acumule o presidente da República, Michel Temer (MDB), o mesmo não se aplica para o líder do Congresso Nacional, deputado federal André Moura (PSC), em Sergipe. Por mais questionado que venha a ser o parlamentar, por mais que setores do Judiciário e, principalmente, do Ministério Público, tenham restrições com seu nome, André tem buscado reverter com muito trabalho por todas as regiões do Estado. Sua liderança, que seria maléfica do ponto de vista do marketing eleitoral, tem sido bastante exitosa para os sergipanos de uma forma geral e é isso que verdadeiramente importa.

 

André Moura não é nenhum “neófito” na política; carrega consigo uma tradição que já veio de seu pai, Reinaldo Moura, e de sua mãe, Lila Moura. Mas demonstra ter estilo próprio, diferenciado, tem poder de articulação, capacidade de argumentação e postura de lider. E isso realmente acaba incomodando a muita gente. Mas chama a atenção deste colunista outro aspecto positivo que tem pesado a favor do deputado: a cada entrevista, a cada discurso André vai provando que amadureceu politicamente. Passou a entender que a “moeda” tem dois lados...

 

Em momento algum André anunciou que é pré-candidato a governador ou a senador. Apenas manifestou o respeito em aguardar a decisão do senador Eduardo Amorim (PSDB). Não há como negar que o fazer política do deputado federal “engoliu” o tucano, mas com todo respeito, a responsabilidade por não ter se “viabilizado” até agora é do próprio Amorim, que tem um estilo mais “comedido”. E sempre quando provocado André não “entra no jogo” e desconversa, rebatendo as críticas com mais ações e menos polêmica. Faz, literalmente, o estilo “paz e amor” para evitar deslizes que podem lhe custar todo o projeto.

 

Para muita gente não há dúvidas que André vai disputar o governo do Estado; para outros ele vai buscar a “tranquilidade” do Senado, onde são duas vagas em jogo e onde ele poderá concorrer o Executivo daqui a quatro anos sem correr riscos de ficar sem mandato. Mas André tem feito seu trabalho na capital e no interior, fazendo valer o prestígio e a força da liderança que conquistou em BSB para levar recursos e investimentos do litoral ao Sertão sergipano, viabilizando seu nome para disputar qualquer mandato, da reeleição ao governo do Estado.

 

Até alguns de seus adversários mais ferrenhos já se renderam à sua liderança e ao seu papel decisivo de intermediar os acessos nos Ministérios, aproximando o governo federal dos municípios sergipanos. O ex-governador Jackson Barreto (MDB) procurou André para ajudá-lo em BSB; vários prefeitos do interior fizeram o mesmo, sem contar o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), que hoje anuncia obras e investimentos, como também os festejos do Forró Caju e da Rua São João graças à intervenção do “líder”. E este colunista não faz aqui a defesa de André, mas reproduz a leitura feita por vários setores da classe política.

 

Se tivesse que apostar, este colunista iria no entendimento de que André Moura disputará o Senado Federal e, neste sentido, ele trabalha corretamente para repetir o feito de Eduardo Amorim em 2010, quando foi eleito com quase 626 mil votos, quase 100 mil votos a mais que então governador Marcelo Déda (in memoriam). Ou seja, independente de quem seja o chefe do Executivo, André deve ser votado por todos os segmentos e lados, derrotando todas as adversidades, contrariando as pesquisas de intenção e os índices de rejeição. Sem “luvas” neste pleito, ele se credencia para ter mais votos que qualquer adversário ou aliado...

 

Veja essa!

É nítida a movimentação por parte do governo para inviabilizar a pré-candidatura de Rogério Carvalho ao Senado. Hoje Belivaldo Chagas (PSD) terá que decidir pelo apoio de Heleno Silva e do PRB ou pelo apoio do Partido dos Trabalhadores. Ambos estão de olho na vaga de senador ao lado de Jackson Barreto.

 

E essa!

Estão trabalhando para tirar Rogério, com a argumentação que ele segue inelegível. Setores do PT “usam” o nome de Eliane Aquino para confrontá-lo na majoritária; e o próprio Jackson Barreto trabalha para “liberar seu caminho” na chapa governista. Não querem concorrer com o ex-deputado federal...

 

Eliane Aquino

A leitura é que Eliane seria um bom nome para compor a chapa com Belivaldo como candidata a vice. O “galeguinho” quer isso, JB quer isso, mas Rogério e nem o PT abrem mão do Senado. Sem contar que, segundo se comenta, a preferência dela seria de voltar a andar mais em BSB...

 

Rogério x JB

O entendimento faz tanto sentido que, vendo a “fritura” que JB já tenta fazer de sua pré-candidatura, Rogério Carvalho partiu para a ofensiva contra o ex-governador, mandando recados duros. Pelo visto esse palanque vai dar “choque” em breve...

 

Exclusiva!

Um político conhecido em Sergipe, aliado de primeira hora do governador Belivaldo Chagas e com boa votação em uma região expressiva do Estado, anunciou para este colunista sem titubear: “para o Senado eu voto em JB e em André Moura. Ele (André) tem sido muito correto com nosso grupo no interior”.

 

Bomba!

A coluna recebeu a informação que a nova superintendente da Polícia Federal em Sergipe, Érika Mialik Marena, tem três “alvos” principais em seu trabalho inicial no Estado: um traficante perigosíssimo; um empresário bem sucedido; e um político de expressão. A moça não veio para brincadeira...

 

Laércio Oliveira I

O deputado federal Laércio Oliveira sempre ouvindo os prefeitos e a comunidade para saber as necessidades de cada município e região, destinou ao município de Estância, via emenda parlamentar, duas patrulhas mecanizadas para atender ao agricultor rural, que foi entregue pelo prefeito Gilson Andrade durante solenidade na Praça Barão do Rio Branco.

 

Laércio Oliveira II

Durante seu discurso o prefeito Gilson Andrade disse que “de forma gradativa nós estamos recuperando o nosso maquinário. Estamos adquirindo novos veículos, graças a parcerias com todos aqueles que abrem as portas dos seus gabinetes e dos seus ministérios lá em Brasília, e aqui eu quero fazer um agradecimento especial ao deputado Laércio Oliveira. Estamos entregando dois tratores para atender a família rural de Estância adquiridos com emendas dele”, enfatizou.

 

Alimentos refrigerados

O MPE determinou que todos os comerciantes de feiras livres, mercados centrais e mercados setoriais devem garantir a higienização dos alimentos e o condicionamento adequado de carnes e laticínios, devendo comprovar a origem dos mesmos. Foi estabelecido um prazo de 30 dias para a Emsurb começar a notificar quem descumpre a lei.

 

Alô MPE!

A verdade é que se passaram 30 dias do encontro entre o MPE e a Vigilância Sanitária e em muitos mercados e feiras a comercialização de alimentos continua inadequada. Será que os comerciantes não estão acreditando na força da notificação da Emsurb? Ou será que a determinação do MPE é apenas para dar uma resposta à sociedade?

 

Angélica Guimarães I

Em julgamento realizado nessa quarta-feira (2), a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu denúncia contra a conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe Maria Angélica Guimarães Marinho. Ela foi denunciada por peculato, relativo ao período em que ocupava o cargo de presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe. Também foram denunciados os gestores das instituições assistenciais supostamente envolvidas no delito.

 

Angélica Guimarães II

Com o recebimento da denúncia, os três denunciados se tornam réus na ação penal, que agora terá prosseguimento. A decisão da corte foi tomada por maioria de votos. O relator da ação penal, ministro Benedito Gonçalves, destacou inicialmente que, para o recebimento da denúncia, basta a existência de conjunto probatório mínimo capaz de apontar a viabilidade de, a depender da instrução probatória, haver a possibilidade de condenação dos denunciados.

 

Defesa

Sob a alegação de inépcia da denúncia, a defesa da conselheira sustentou que não foram individualizadas e descritas adequadamente as supostas condutas ilícitas cometidas pela ex-deputada. Ainda de acordo com a defesa, a destinação de verbas para as duas entidades assistenciais cumpriu os requisitos da Lei estadual 5.201/03, que previa subvenções a instituições de caráter assistencial ou cultural sem fins lucrativos. 

 

ASEOPP

A Associação Sergipana dos Empresários de Obras Públicas e Privadas (ASEOPP), com o apoio do Tribunal de Contas que sede seu auditório para um debate a ser realizado nesta quinta-feira (3), a partir das 9 horas, sobre a Reforma da Lei de Licitações, com a presença do deputado federal João Arruda (MDB/PR), relator da Comissão Especial da Câmara.  

 

Georgeo Passos I

O deputado estadual Georgeo Passos (REDE) criticou a enorme quantidade de obras públicas inacabadas. O parlamentar disse que Sergipe hoje possui um grande “cemitério de obras espalhado por todo Estado” e pediu medidas para reverter essa situação.

 

Georgeo Passos II

“Os dados são desanimadores. Segundo o Tribunal de Contas, em levantamento feito no ano passado, existem 343 obras paralisadas em 51 municípios e órgãos sergipanos, lógico que temos mais obras paradas de responsabilidade do Governo do Estado. Como o Parlamento e os órgãos de controle podem mudar este cenário?”, questionou.

 

Obras paradas

“E o investimento perdido é muito grande. Essas obras perfazem um montante financeiro de mais de R$ 447 milhões – praticamente um Proinvest parado em canteiros de obras paralisados. Um prejuízo imenso. E essa conta quem está pagando é o povo que está esperando esses empreendimentos serem concluídos. Num momento tão delicado da nossa economia, estas obras ajudariam muito nosso Estado se estivessem em execução”, assegurou.

 

Audiência

Preocupado com os recursos oriundos das multas cobradas em decorrência de infrações ambientais, o procurador jurídico da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema), Dr. Fausto Leite esteve em reunião com o presidente e deputado estadual Luciano Bispo (MDB), objetivando à apresentação de uma emenda ao Projeto de Lei estabelecendo 15% do repasse que proporcionará investimentos ao meio ambiente.

 

Adema I

Durante a reunião, Dr. Fausto explicou que a arrecadação das multas da Adema, que deveria está sendo depositada no Fundo de Defesa do Meio Ambiente de Sergipe (Fundema/SE) estaria sendo lançada na Conta Única do Estado, atendendo determinação do TC/SE através do MP/SE, onde entrou com o pedido de liminar determinado seu depósito para a conta única do estado.

 

Adema II

Dr. Fausto disse ainda que em conversa com o ministério público, através do procurador Eduardo Côrtes entrou com uma cautelar solicitando a suspensão das multas em 100% colocado para o Fundema, onde eram de 2%, mas que chegaram a um acordo de repasse de 15%. “Um ganho muito grande para o meio ambiente”, salientou o procurador.

 

Sem orçamento

Segundo o representante jurídico da Adema, o MPE entende que houve uma derrogação de lei, ou seja, a lei mais nova derroga a primeira com o pagamento integral. “Com a saída desse recolhimento não é possível atender a demanda da Adema. Para se ter uma ideia, como critério de avaliação, 70% da demanda da Adema é para atendimento de cumprimento de determinação do MP/SE e TJ/SE, e sem esse dinheiro do recolhimento da multa fica impossível a Adema realizar seu trabalho”, frisou Dr. Fausto.

 

Luciano Bispo

Está em tramitação nas Comissões Projeto de Lei Nº51/2018 de autoria do deputado Luciano Bispo (MDB), que designa um percentual, de no mínimo, 1% da publicidade institucional do Poder Legislativo para as rádios comunitárias sergipanas. O projeto surgiu da necessidade dessas emissoras, que são constituídas, em sua maioria, por profissionais abnegados, que buscam melhorias para suas comunidades através da comunicação, permitindo que pequenos comerciantes divulguem seus produtos, e principalmente, que o próprio cidadão tenha uma participação efetiva na resolutividade dos problemas que envolvem a região, junto ao poder público.

 

Rádios Comunitárias I

Durante encontro realizado no ano de 2017, no município de Estância, o diretor de comunicação da Alese, Marcos Aurélio, apresentou a proposta que foi construída e hoje está pronta para a votação dos deputados estaduais. “Ante a necessidade que a Alese tem de dialogar com todos os segmentos da sociedade sergipana, apresentei ao deputado Luciano Bispo a proposta de designarmos um percentual da publicidade institucional a ser aplicada nas rádios comunitárias, cujo alcance diretamente nas comunidades onde atuam está se consolidando a cada dia, e ele aprovou”, informa o diretor.

 

Rádios Comunitárias II

Ainda segundo Marcos Aurélio, ficou ajustado com o presidente Luciano Bispo, que as rádios comunitárias, além de divulgar a publicidade da Assembleia, precisam abrir mais espaço para a cultura local. “Para ter acesso aos recursos públicos, as emissoras serão cadastradas na diretoria de comunicação, e farão parte de um programa de valorização da cultura sergipana, abrindo espaços para os artistas, de todas as vertentes, das suas comunidades, na programação da emissora”. Revelou Marcos Aurélio, que esse foi um pedido do presidente, deputado Luciano Bispo.

 

Cultura valorizada

O projeto determina que, as rádios comunitárias devem contemplar, no mínimo, em 30% da sua programação, espaços para os artistas, de todos os movimentos culturais sergipanos. As emissoras manterão um cadastro junto à Alese, assim como os artistas também encontrarão amparo na própria Assembleia Legislativa, em caso de alguma dificuldade na abertura dos espaços na programação das emissoras.

 

Ana Lula I

A deputada estadual Ana Lula (PT) destacou a passagem do dia dos trabalhadores e a união das centrais sindicais em defesa da democracia e pela liberdade do ex-presidente Lula (PT). A petista exibiu reportagens sobre manifestações sobre o assunto em diversas regiões do mundo.

 

Ana Lula II

“Ao registrar a passagem do dia dos trabalhadores eu tenho que retomar um pouco da história desse dia que tem um pouco de semelhança com o que acontece no cenário brasileiro atual, do ponto de vista político e econômico. Retomo a luta operária em Chicago (EUA), onde a elite e a classe dominante jogam a calúnia e a difamação, que prende e mata. Os trabalhadores de Chicago promoveram uma intensa mobilização por dois anos, deflagraram uma grande greve para a redução da jornada de trabalho”, contextualizou a deputada.

 

Defesa da democracia

Em seguida Ana Lula exibiu em plenário as imagens da mobilização nacional em defesa da democracia e os manifestos realizados pelo mundo pela liberdade de Lula. “São imagens divulgadas pela tv dos trabalhadores que agora passa a ser transmitida pela NET. Conseguimos desta vez realizar um grande ato, reunindo toda a classe trabalhadora, unificando as sete centrais sindicais em Curitiba (PR), em defesa da democracia e pela revogação de todas as medidas deste governo”.

 

Reivindicações

“Mais de 300 mil famílias perderam o benefício do Bolsa Família; dezenas de trabalhadores perderam suas licenças no INSS. Esta é uma política de governo que subtrai direitos sociais, políticos e econômicos dos trabalhadores. A nossa pauta é Lula livre, retomada da democracia e dos direitos que perdemos e, aqui em Sergipe, queremos a revisão do reajuste salarial do funcionalismo, a reestruturação da carreira dos professores e a defesa da Fafen, uma fábrica estratégica, e nós não aceitamos seu fechamento ou privatização”, pontuou.

 

Títulos

Ana Lula anunciou que no próximo dia 22 seu mandato na Assembleia Legislativa estará concedendo o Título de Cidadão Sergipano aos sindicalistas Rômulo e Edmilson, que fizeram história como presidentes da Central Única dos Trabalhadores.

 

Luto I

A parlamentar encerrou seu pronunciamento anunciando o falecimento do líder sindical Antônio Gomes de Souza, mais conhecido como “Antônio Baldaraque”, do Assentamento Morro do Chaves, no município de Propriá.  “Ele foi um fundadores da CUT em Sergipe e infelizmente partiu hoje”

 

Luto II.

“Amanhã esta Casa estará aprovando nosso requerimento de pesar. Deixo aqui nossa solidariedade e nosso abraço fraterno. Ele não foi o líder apenas do assentamento, mas acompanhou Dom José Brandão pelo Baixo São Francisco em defesa da reforma agrária, lutando pela distribuição das riquezas”, completou Ana Lula.

 

Deu bicho

Como se já não bastassem algumas “pérolas” que envolvem a estrutura da nossa Segurança Pública nos últimos anos, a mais recente foi a prisão de dois policiais militares e um policial civil que estavam, supostamente, extorquindo banqueiros do jogo do bicho que operam no Mercado Albano Franco. Em síntese, quem deveria combater a bolsa ilegal de apostas, a explora? Que pais é esse, afinal?

 

Caju Bike

O vereador Anderson de Tuca (PRTB) lamentou, na Tribuna do Legislativo Municipal, o encerramento do projeto Caju Bike na capital. O parlamentar ressaltou alguns pontos positivos do projeto, como por exemplo, opção de transporte alternativo para dezenas de  trabalhadores e frequentadores do centro comercial, além de contribuir com a mobilidade urbana e ser sustentável e ainda criticou a falta de interesse da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), em buscar parcerias.

 

Foro privilegiado

O senador Valadares (PSB) foi à tribuna do Senado para reforçar sua posição contrária ao foro privilegiado. “O instrumento transformou-se em privilégio, que só aumenta a impunidade de ricos e poderosos. O STF está analisando a matéria, que restringe o foro especial por prerrogativa de função e a expectativa é de que venha dar a resposta necessária à população”.

 

Valadares

“O Senado fez o seu papel ao aprovar, em 2017, a PEC 10/2013, que, com exceção dos chefes de poderes, acabava com a previsão constitucional de foro por prerrogativa de função para julgamento de crime comum praticado por autoridade. A nossa proposta era mais abrangente em relação ao que pode decidir o STF. Votamos aqui pelo fim ao foro privilegiado para deputados, senadores, ministros de estado, governadores, ministros de tribunais superiores, desembargadores, embaixadores, comandantes militares, integrantes de tribunais regionais federais, juízes federais, membros do Ministério Público, procurador-geral da República e membros dos conselhos de Justiça e do Ministério Público”, explicou Valadares.

 

Machado I

Tanto Aracaju quanto Sergipe se destacam entre Capitais e Estados com altos índices de extrema pobreza. A capital aparece com mais de 87 mil pessoas vivendo com menos de cerca de R$ 5 por dia, enquanto que o Estado tem mais de 240 mil pessoas nessas condições. “Nos últimos anos, vemos o Estado se degradar em todas as áreas, e essa é mais uma”, lamentou Machado.

 

Machado II

Entre 2016 e 2017, Aracaju aumentou 30% a sua população na extrema pobreza, ficando atrás apenas de São Luís e Natal. Já Sergipe aumentou em 22% e perde apenas para a Bahia. Os números foram divulgados pela Revista Valor Econômico no último dia 30.

 

Fábio Reis I

Em discurso proferido no plenário da Câmara, o deputado federal Fábio Reis (MDB) solicitou ao presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, que convoque os aprovados em concurso público. Os novos funcionários públicos vão trabalhar no Hospital Universitário de Lagarto.

 

Fábio Reis II

O deputado lembrou que ano passado solicitou a convocação e 75 profissionais foram nomeados. “Faço novamente este apelo para que possamos dar melhor qualidade no atendimento à população, que está carente e necessitada, sofrendo com a superlotação do Hospital Regional”, ressaltou. Para o deputado, esta nova convocação vai “melhorar significativamente o atendimento à população sergipana, principalmente da região Centro-Sul”.

 

Governo & PMA

Na tarde dessa quarta-feira (02), o governador Belivaldo Chagas recebeu, em seu gabinete no Palácio dos Despachos, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira. Em pauta, ações realizadas na capital e melhorias na área da Saúde. O prefeito também aproveitou a oportunidade para parabenizar Belivaldo pelas primeiras ações em sua gestão como governador. “Vim retribuir a visita que o nosso governador me fez, agradecer a parceria, parabenizá-lo pelas suas ações tão positivas na gestão e aproveitar para tratar dos interesses de Aracaju”, declarou Edvaldo. 

 

Belivaldo Chagas

Para o governador, essa relação harmoniosa entre prefeitura e governo do Estado é essencial para que os problemas sejam solucionados com maior agilidade. “O governo tem firmado parcerias, não apenas em obras, mas também em ações voltadas para a área da Saúde. Precisamos cada vez mais melhorar nossa relação, para que a gente faça andar todo esse processo de cirurgias, de exames. O prefeito se colocou à disposição para que a gente possa marcar, na próxima semana, uma reunião entre as duas secretarias, para que a gente vá afinando cada vez mais esse trabalho”, ressaltou Belivaldo.

 

Edvaldo Nogueira

Na ocasião, o governador antecipou que, na próxima semana, será assinada a ordem de serviço para a reforma da Orla Pôr do Sol. Feliz com a notícia, o prefeito agradeceu. “Também aproveito para agradecer, pois essa obra, feita na minha gestão, se encontra deteriorada. A recuperação vai impulsionar o turismo. Será mais uma parceria por Aracaju”, declarou.

 

Maio Amarelo

Foi aberta a 5ª edição do Maio Amarelo, movimento mundial pela redução dos acidentes de trânsito. Em Sergipe, as atividades são coordenadas pela SMTT e pelo Detran, com apoio de outras instituições. A solenidade de abertura ocorreu no auditório do Sest/Senat. Esta será a primeira vez que o Maio Amarelo acontece de forma integrada, com participação de todos os órgãos que atuam no planejamento e fiscalização das ruas, avenidas e rodovias do Estado.

 

Apcef

Com um salão de festas lotado de bancários da Caixa, aposentados e associados em geral, a nova Diretoria Executiva e o Conselho Fiscal que estarão à frente da Associação do Pessoal da Caixa (Apcef/Se) nos próximos três anos foram empossados. A cerimônia marcou o início da gestão Juntos pela Renovação (2018-2021), festejada com o calor e o carinho de colegas das agências Serigy, Propriá, Fausto Cardoso, SR, Shopping Riomar, Augusto Maynard, Siqueira Campos e Complexo Pereira Lobo, além da presença carismática de João Téssio, representante da Gestão de Pessoas em Sergipe (GIPESS).

 

Estância I

A Prefeitura Municipal de Estância, em parceria com a Abav - Associação Brasileira das Agências de Viagem – realiza nesta quinta-feira (3), um encontro especial para apresentar os atrativos das “Sete Maravilhas” do município. Haverá ônibus saindo de Aracaju e o ponto de encontro é a sede da AEASE (Associação de Engenheiros Agrônomos de Sergipe), às 7h30.

 

Estância II

Ao chegar em Estância, haverá uma recepção no XPTO, bar e restaurante. Na sequência, o grupo fará uma visita técnica (city tour) pelas Sete Maravilhas da cidade: Lira Carlos Gomes, Lagoa dos Tambaquis, Complexo Santa Cruz, Barco de Fogo, Catedral Diocesana, Complexo Ambiental Praia do Saco e Complexo Turístico Porto da Areia. 

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com




Tópicos Recentes