POLÍTICA

12/10/2018 as 15:12

Vitória de Bolsonaro é praticamente irreversível sobre o PT de Haddad!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

O candidato a presidente da República, Fernando Haddad (PT) é petista, pode até chegar ao Palácio do Planalto, mas continua muito aquém de ser uma liderança popular, um político capaz de aglutinar forças em torno do seu projeto político. É muito menor que o Partido dos Trabalhadores que tem um índice de rejeição muito maior que seu próprio candidato no País. O PT precisa se reinventar, precisar cortar o “cordão umbilical” do ex-presidente Lula, que deixou seu legado, mas que se encontra condenado e preso na sede da Polícia Federal e que já não tem mais o “poder de fogo” de outras eleições.

 

Diferente do que aconteceu com a ex-presidente Dilma Rousseff, o PT perdeu espaços importantes em todas as regiões do País. Ficou vulnerável, uma legenda “capenga” e dependente da estratégia de Lula. Após o mensalão e, mais recentemente, o ‘petrolão’, ajudou a “afundar” a Petrobras, a maior estatal do Brasil, uma das maiores do mundo, algo que impactou diretamente na economia nacional, afetando diversos setores. O partido perdeu credibilidade e, consequentemente, vem sofrendo a cada pleito, assistindo a debandada de vários quadros e de uma parcela significativa do eleitorado. O PT planeja o futuro de olho no passado, e isso não dá certo...

 

Justiça seja feita, outras legendas estão sofrendo de “falência” similar. O PSDB é uma delas! O MDB perdeu o “P” durante a gestão de Michel Temer e, apesar de ser o mais “governista” dos partidos, também “emagreceu” e tem como uma de suas principais “referências” o senador reeleito Renan Calheiros (AL). Combalido nos últimos pleitos, o DEM parece ter ganho uma espécie de “sobrevida” em 2018. Vibrante e em ascensão em Estados como o Rio Grande do Sul, Minas Gerais, além de algumas áreas da Região Norte, desta vez o PT concentrou todas as suas “forças e energias” no Nordeste. Apostou neste eleitorado e conseguiu chegar ao 2º turno da eleição.

 

Só que desta vez os petistas não contavam com um adversário como Jair Bolsonaro (PSL), alguém que se apresenta como uma “alternativa ao sistema”, como alguém que está disposto a enfrentar o crime organizado, o tráfico de drogas, a corrupção no setor público, pela preservação de alguns valores religiosos, dentre outras coisas. Bolsonaro sentiu a “fadiga” da população e apenas reproduz aquilo que as pessoas querem ouvir, aquilo que elas esperam do seu presidente da República. É evidente que há rejeição, mas a maioria aprova e aplaude sua linha, sem contar que muitos incorporaram seu projeto, também, por rejeição ao PT.

 

A eleição é no próximo dia 28, tudo é possível de acontecer e não existe “campanha ganha” e nem Bolsonaro propaga qualquer “já ganhou”. Hoje ele “administra” o resultado do 1º turno e, vez ou outra, faz um gesto positivo para o seu eleitorado mais popular, com propostas como o 13º salário para os beneficiários do programa social “Bolsa Família”, assegurando que os recursos viriam com a redução da corrupção no País. Haddad “tropeça” no próprio PT e não consegue reduzir a diferença, ou melhor, não consegue conter o crescimento de seu adversário no Nordeste, um “sonho de consumo” para qualquer tucano...

 

Em resumo, se o cenário não for alterado até meados da próxima semana, este colunista atreve-se em dizer que a vitória do candidato a presidente Jair Bolsonaro é algo praticamente irreversível e que ela se consolida muito mais contra o próprio PT do que contra o adversário Fernando Haddad. O “mito” recebe cada vez mais apoios e adesões. Aqueles que apoiam o petista, como o PDT por exemplo, o fazem apenas por um alinhamento mais do ponto de vista ideológico do que por qualquer outra coisa. Se não aparecer um “fato novo”, a partir de janeiro o Brasil terá um presidente mais “linha dura” que o comum, mas talvez dentro do necessário para recolocar o País no rumo certo...

 

Tchau Haddad!

Após o “apoio crítico” do PDT a Fernando Haddad, o presidenciável Ciro Gomes (PDT) embarcou com a família para fora do País e não será a “figura decisiva” pró-Haddad neste segundo turno. Ciro frustrou a militância petista...

 

Comigo não!

Ciro Gomes deu o “troco” no PT após ter sido desprestigiado por Lula e pelo Partido dos Trabalhadores quando da definição do candidato em 2018, após a impugnação do registro de candidatura do ex-presidente. Cansou de esperar. Égua!

 

“Álcool em mim” I

O também presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) tentou fazer um gesto de aproximação ao PT, mas foi logo contrariado pelo também tucano e candidato a governador de São Paulo, João Dória, que anunciou apoio a Bolsonaro.

 

“Álcool em mim” II

Quando o ex-governador paulista pensou em “medir forças” com Dória, sua candidata a vice-presidente, a senadora Ana Amélia (PP/RS) também aderiu a Bolsonaro. Nos bastidores há quem diga que Geraldo reclama do colega tucano: “ele jogou ‘álcool’ em mim”. O perigo é Dória achar o “fósforo”...

 

Falência do PSDB

O resultado do 1º turno da eleição presidencial com Bolsonaro e Haddad disputando o comando do País, reflete além do cansaço do eleitorado com as práticas antigas da política, também revela a falência do PSDB que jamais conseguiu comandar o Brasil após os governos de FHC. A legenda não conquista o nordestino...

 

Veja essa!

Um deputado estadual governista, que a coluna prefere não identificar por enquanto, está bastante contrariado com o ex-governador Jackson Barreto (MDB). Se brincar o “sujeito” soltou rojões no domingo (7) com a derrota de JB que tentava chegar ao cargo de senador.

 

E essa!

A “fúria” do político com JB tem explicação: ao lado de Gama e outras pessoas mais próximas, o ex-governador teria visitado bases eleitorais do deputado para pedir que as pessoas votassem em outra “alternativa” para estadual. Apesar de reeleito, o parlamentar está magoado e não quer aproximação com Jackson.

 

JB na área!

Um dia após o resultado das urnas, Jackson Barreto já teria se reunido com o governador Belivaldo Chagas em um almoço festivo e teria estabelecido a estratégia para o 2º turno. JB teria determinado que todos intensifiquem a campanha para reeleger o “galeguinho”...

 

Bomba!

Lamentáveis as imagens que circularam nas redes sociais de um suposto tumulto envolvendo funcionários da empresa BTS, que presta serviços para a PMA, e um dos responsáveis pela mesma. Os envolvidos chegaram as vias de fato por atrasos de pagamento dos vales-transportes e ticket alimentação. Com a palavra a Prefeitura da “qualidade de vida”...

 

Exclusiva!

Ouvidos pelo Ministério Público Estadual, a sócia majoritária da Embrapes (Empresa Brasileira de Prestação de Serviços LTDA) e o responsável pela logística da empresa confirmaram que o valor anual do contrato da empresa com a FHS e a SES era da ordem de R$ 15 milhões.

 

Reforma

Segundo o depoimento da proprietária, o então secretário de Saúde a convocou, após alugar o prédio do antigo prédio do Mistão, que abriga a Secretaria de Estado da Saúde, e determinou que iniciasse a reforma do mesmo porque “a empresa era capacitada e já estava dentro do orçamento anual, sem a necessidade de o Governo do Estado, via SES, promover qualquer procedimento licitatório”.

 

Justificativa

Ainda no depoimento prestado ao MPE, a proprietária da EMBRAPES disse que foi orientada a promover a reforma para o Estado porque “o serviço já abrangia a manutenção predial, que as obras custaram de R$ 8 a R$ 10 milhões e que apenas foram apresentados aditivos e a prorrogação do contrato”.

 

Notas fiscais

O promotor de Justiça, Edyleno Sodré, que acompanha o caso, determinou o prazo de 10 dias para os citados apresentarem as notas fiscais dos serviços realizados e que foram encaminhadas ao Tribunal de Contas da União. Pelo visto, essa reforma do prédio da Secretaria de Estado da Saúde ainda vai dar muito que falar...

 

TCE

O excesso de gastos com pessoal nos municípios sergipanos voltou a ser debatido pelo colegiado do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE). A conselheira Susana Azevedo ressaltou que recebeu os resultados do segundo quadrimestre da 1ª Coordenadoria de Controle e Inspeção (CCI), responsável por fiscalizar 14 municípios, e que todos eles continuam descumprindo o limite previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), que é de 54% da receita corrente líquida.

 

Susana Azevedo

​“Nós expedimos os Termos de Alerta a todos os quatorze municípios comunicando aos prefeitos sobre os resultados. Eles precisam fazer a redução desses percentuais, procurar saber o que está acontecendo com a folha de pagamento, até porque ficarão impedidos de conveniar, receber transferência voluntária, contratar operações de crédito”, avisou a conselheira, que já marcou uma reunião para o próximo dia 30, com a participação da Diretoria de Controle Externo de Obras e Serviços (Dceos), e de todos os prefeitos envolvidos. “Precisamos orientar”, concluiu. 

 

Redução

Embora os 14 municípios citados estejam acima do limite prudencial, um aspecto positivo colocado pela conselheira é que a grande maioria conseguiu reduzir o percentual em relação ao primeiro quadrimestre, quando também foram alertados. São fiscalizados atualmente pela 1ª CCI os municípios de Aquidabã, Barra dos Coqueiros, Campo do Brito, Carmópolis, Cristinápolis, General Maynard, Indiaroba, Maruim, Malhador, Santa Luzia do Itanhy, Santo Amaro das Brotas, Rosário do Catete, Umbaúba e Pacatuba.

 

Ulices Andrade

O presidente do Tribunal, conselheiro Ulices Andrade, salientou na sessão que o conselheiro Clóvis Barbosa também chamou atenção para o que vem acontecendo no Estado, na última reunião do Pleno: “essa iniciativa é válida, mas é necessário procurar uma solução, tem que se mudar esse procedimento e nós vamos fazer”.

 

Controle interno

A conselheira ainda falou sobre um novo projeto que visa melhorar os setores de Controle Interno das Prefeituras e Câmaras Municipais. “O Controle Interno, quando é forte e eficaz, ajuda o Executivo. Gostaria de parabenizar toda equipe da 1ª CCI, que está estudando e fazendo com que esses setores municipais possam fazer o que realmente precisa ser feito: ajudar o gestor”, destacou Susana Azevedo.

 

Poço Redondo I

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE) manteve, por 5 votos a 2, a cassação do diploma do prefeito e do vice-prefeito do município de Poço Redondo (SE). “Na sessão, também foi decidido que o prefeito e o vice devem ser imediatamente afastados dos cargos”, explicou a procuradora regional eleitoral em Sergipe, Eunice Dantas.

 

Poço Redondo II

Com a decisão, Ademilson Chagas Júnior e Manoel Rodrigues da Silva também permanecem inelegíveis por oito anos. Eles foram condenados por abuso de poder econômico e compra de votos. Segundo o Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral), na campanha de 2016, eles distribuíram combustível, de forma generalizada, massiva e repetida, em troca de votos.

 

André Moura

O deputado federal André Moura recebeu do Brigadeiro do Ar, Maurício Augusto Silveira de Medeiros, chefe da Assessoria Parlamentar e de Relações Institucionais do Comandante da Aeronáutica (Aspaer), o anúncio oficial de que lhe será outorgada a “Ordem do Mérito Aeronáutico”, considerada a mais alta distinção honorífica  em reconhecimento  ao seu trabalho em benefício da Força Aérea Brasileira (FAB). A data da cerimônia militar para a imposição da Comenda será informada pela Aspaer assim que for marcada.

 

PSB

Membros do Diretório Estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) se reuniram para deliberação sobre o posicionamento acerca da candidatura presidencial em Sergipe. Ficou decidido que seus filiados e militantes poderão votar em qualquer um dos dois candidatos que disputam a Presidência no 2° turno.

 

Valadares Filho I

“Nacionalmente o PSB decidiu pelo apoio a Fernando Haddad e liberou Sergipe para que a decisão fosse tomada de acordo com a realidade local. O país está divido por conta do cenário presidencial no segundo turno. Por isso, respeitando a vontade dos eleitores, os membros do diretório optaram por liberar a militância e os filiados”, afirma Valadares Filho, presidente do diretório estadual.

 

Valadares Filho II

Segundo Valadares Filho, sua campanha focará resolver os problemas de Sergipe. “Estamos focados em mudar o estado de Sergipe. Eu estou ao lado do povo. Como governador, terei um comportamento institucional, buscando as parcerias necessárias com o futuro presidente para o estado de Sergipe”.

 

Venâncio Fonseca I

“Hoje eu só tenho que agradecer ao povo sergipano. Não tenho do que reclamar! As pessoas foram muito generosas comigo, me confiaram o voto várias vezes e, através do voto popular eu pude representa-los nesta Casa ao longo de seis mandatos. Foram 16 anos do meu irmão e ex-deputado Cleonâncio Fonseca e agora mais 24 anos comigo. São 40 anos que a Família Fonseca vinha representando a região Centro-Sul aqui na Alese. Mas para alguém ganhar, alguém tem que perder. Faz parte do jogo político e da democracia”.

 

Venâncio Fonseca II

Com esse discurso o deputado estadual Venâncio Fonseca (PSC) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, e agradeceu aos votos que lhe foram confiados no último domingo (7). O parlamentar não obteve a reeleição, mas se revelou sem mágoas, consciente da vontade popular, respeitando a “vontade da urna”. Ele agradeceu a todos os amigos, políticos, assessores e familiares que lhe acompanharam por toda a sua trajetória e, aproveitou o ensejo para anunciar que, no segundo turno da eleição majoritária, vai apoiar a reeleição do governador Belivaldo Chagas (PSD).

 

Consciência tranquila

Venâncio aproveitou para parabenizar a todos os parlamentares que disputaram a eleição e obtiveram êxito nas urnas. Segundo o deputado o povo teve a oportunidade de escolher os seus representantes e esta decisão deve ser respeitada. “A partir de fevereiro não estarei mais nesta Casa, mas saio feliz e com a consciência tranquila pelo dever cumprido, pelos mandatos que exerci com altivez e dignidade, representando o povo e meu agrupamento com o maior carinho e respeito, inclusive com os nossos adversários”.

 

Amorim e André

O deputado explicou que apoiou Eduardo Amorim (PSDB) para o governo e André Moura (PSC) para o Senado Federal e que, assim como ele, também não obtiveram êxito nas urnas. “Foram dois guerreiros nesta campanha eleitoral. Quero externar meu carinho e respeito e quero dizer que André é um líder incontestável, uma pessoa que tem uma capacidade de trabalho grande e um desempenho parlamentar brilhante, trazendo recursos para Sergipe. Perdeu, mas faz parte do jogo político e quem decide é o povo. Tem um futuro brilhante pela frente e dará a volta por cima. Agradeço pela confiança de nos ter dado a responsabilidade de representar o seu povo de Japaratuba e Pirambu na Alese.

 

2º turno

Venâncio também explicou que, após reunião com o também deputado Capitão Samuel, decidiu apoiar a campanha de reeleição do governador Belivaldo Chagas. “Não somos de ficar em cima de muro. Político tem que ter decisão e nós vamos apoiar o candidato Belivaldo Chagas neste segundo turno. Já comunicamos isso aqueles que comandam o nosso partido e, tanto André Moura quanto Amorim estão liberando todas as lideranças para escolherem o que acharem melhor neste 2º turno”.

 

Com Belivaldo

“Fomos convidados pelo governador para conversar e comunicamos esta decisão. Ele ficou muito feliz e ela foi bem aceita pelo seu agrupamento. Vamos batalhar agora pela reeleição de meu amigo, do meu companheiro nesta Casa por várias legislaturas, mesmo estando em lados opostos. Não tenho o que reclamar, só tenho que agradecer a Deus pela oportunidade que sempre tive”, acrescentou o deputado.

 

Subvenções I

Ainda sobre o processo das verbas de subvenção onde foi absolvido pelo Tribunal Superior Eleitoral em 2018, Venâncio disse que sai da Alese com a consciência tranquila e que sai sem mágoas porque sabe respeitar o jogo democrático. Ele explicou que só não aceitaria deixar o Poder se fosse com o mandato cassado pelo Poder Judiciário.

 

Subvenções II

“Só não aceitaria sair da Alese da forma como queriam me tirar. Aí sim! Se acontecesse aí sim eu seria um homem destroçado, pela injustiça porque não cometi nenhum crime. Saio porque não ganhei pelo voto popular, mas e saio tranquilo com uma decisão justa, coerente e reparadora do direito de um cidadão que não cometeu crime algum”.

 

Gratidão I

Venâncio Fonseca citou uma série de amigos, familiares, assessores e políticos que lhe ajudaram ao longo desta caminhada. “São pessoas que me ajudaram, direta ou indiretamente, como prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, ex-prefeitos e lideranças; meu motorista Kléber; o vereador Neguinho de Muribeca; em nome de meu irmão e minha paixão Luís Fonseca, saúdo todos os meus familiares, ele que tem uma liderança forte em Boquim e sempre esteve comigo nos momentos bons e mais difíceis de minha vida”.

 

Gratidão II

“Raquel minha herança do PT, uma guerreira; essa pessoa maravilhosa que é Adênia, Claudinha, Derlan e minha secretária Maria Senhora que está comigo há 34 anos, pelo menos”, completou Venâncio estendendo sua gratidão a todos os funcionários da Casa. O deputado também agradeceu a todos os deputados que conviveram com ele na Alese por todos esses anos, na situação e na oposição.  

 

G2 Propaganda

Sob o comando do publicitário Rafael Galvão, a G2 Propaganda destacou-se pelo trabalho desenvolvido a frente da campanha vitoriosa para deputado federal de Gustinho Ribeiro (SD), uma das melhores entre os candidatos proporcionais quanto a qualidade visual e estratégia de marketing. Não deixou a desejar em relação a nenhuma outra campanha majoritária apresentada em Sergipe.

 

Laranjeiras I

A Prefeitura Municipal de Laranjeiras através da Secretaria de Finanças, anuncia o pagamento integral do 13° salarial dos funcionários efetivos que fizeram aniversário no mês de setembro, assim como, seguindo o cronograma estabelecido pela própria Secretaria, os funcionários comissionados pertencentes as pastas da Saúde, Cultura e Finanças, que terão direito a  metade do 13°. A outra metade, será paga até o dia 20 de dezembro, conforme determina a lei. Os valores foram ficaram disponíveis nessa sexta-feira (12).

 

Laranjeiras II

O prefeito de Laranjeiras, Paulão das Varzinhas, decretou ponto facultativo nos órgãos da administração municipal na próxima segunda-feira (15), dia do Professor. É mais um gesto do prefeito que assumiu o compromisso de priorizar a Educação e valorizar os professores da rede municipal.

 

Lambe-Sujos e Caboclinhos I

Ainda em Laranjeiras, o Prefeito Paulão das Varzinhas se reuniu com o Secretário de Segurança Pública, João Eloy, para verificar o plano de segurança da Festa dos Lambe-Sujos e Caboclinhos, que será realizada domingo (14). Também participaram da reunião, o Delegado de Laranjeiras Dr. Deckson; o Diretor de Transporte do Município Sr. Ademilson; e o Comandante do Policiamento da Grande Aracaju Cel. Vivaldi Cabral.

 

Lambe-Sujos e Caboclinhos II

Sobre a demanda apresentada referente ao Policiamento durante o período da Festa, o Secretário informou que ha um plano de segurança prévia estabelecido com o Comando das Polícias Civil e Militar, " o nosso objetivo com o plano de segurança especial é garantir a tranquilidade não só no centro da cidade, mas também nas áreas próximas a festa, " destacou. 

 

Segurança garantida

O Secretário falou ainda que cerca de 100 homens estarão trabalhando nesse final de semana em Laranjeiras.  O Prefeito Paulão acredita que, “é uma tranquilidade saber que o policiamento será intensificado na cidade, até por conta do aumento no número de pessoas que irão participar da Festa”, finalizou. 

 

Iran Barbosa I

O vereador e professor Iran Barbosa, do PT, destacou, no Parlamento Municipal. o lançamento do livro "História de Aracaju Para a Criança", dos professores Antônio Wanderley Corrêa e Marcos Vinícius Melo dos Anjos, que aconteceu no Museu da Gente Sergipana. “Um livro muito interessante, que trata da história da nossa capital, numa linguagem muito acessível para as crianças na primeira fase da aprendizagem escolar”, explicou o parlamentar.

 

Iran Barbosa II

Os dois autores já têm outras publicações utilizadas em escolas sergipanas e que tratam especificamente  de Sergipe. Neste sentido, Iran reforçou a necessidade de registrar o lançamento do novo livro por entender que há pouca produção local de conteúdos didáticos direcionados ao público infantil, especificamente abordando a temática da história da nossa capital. “Fico muito feliz que seus autores sejam dois colegas professores da rede pública estadual de ensino e contemporâneos meus, no curso de História”, completou.

 

Fórum de Educação I

Segundo relatório do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), lançado no início deste ano, o Brasil ainda se encontra na 56º posição em educação empreendedora, numa lista com 65 países. Para tratar sobre os desafios do setor em Sergipe e no Brasil, o Sebrae/SE promoverá o 3º Fórum de Educação Empreendedora. Voltado para profissionais do ensino básico ao superior, o evento será realizado no dia 18 de outubro, a partir das 18h30, no Radisson Hotel Aracaju.

 

Fórum de Educação II

A filósofa, psicóloga e psicanalista, Viviane Mosé, palestrará sobre o tema “Educação Empreendedora e Inovação”. Além de possuir uma vasta produção bibliográfica, Mosé é especialista em Elaboração e Implementação de Políticas Públicas e é colaboradora fixa do Programa Encontro com Fátima Bernardes. “O Fórum será uma forma dos profissionais da educação em Sergipe trocarem suas experiências inovadoras em educação”, explica a gestora do projeto do Sebrae/SE, Rosana Leite.

 

João Daniel I

Quinto deputado federal mais bem votado de Sergipe neste pleito, João Daniel (PT) foi reeleito para a Câmara dos Deputados com 59.933 votos. O parlamentar fez uma campanha baseada na sua atuação em defesa da classe trabalhadora, no enfrentamento ao golpe dado com o impeachment da presidenta Dilma Rousseff e contra as reformas e retrocessos trazidos pelo governo golpista de Michel Temer e seus aliados. Esse trabalho resultou num crescimento de mais de 13% na sua votação em relação à última eleição.

 

João Daniel II

“Quero agradecer ao povo sergipano por essa grande vitória em defesa de Sergipe e do povo trabalhador. Essa é uma vitória dos trabalhadores e das trabalhadoras sergipanas e de todo movimento sindical, social e popular combativo de Sergipe que teve sempre em nosso mandato a voz no Parlamento e presença nas ruas. A reeleição aumenta nosso compromisso de seguir adiante, firme e forte, na defesa da democracia e da classe trabalhadora”, afirmou João Daniel.

 

ExpoEducar I

Após o sucesso de 2017, a ExpoEducar 2018 volta com tudo e deve reunir universidades e instituições de ensinos da Capital em um único espaço, como forma de facilitar a vida de pais e estudantes na hora de tomar a decisão quanto ao futuro educacional que está logo à frente.

 

ExpoEducar II

O evento acontece, mais uma vez, na Praça Central do Shopping Jardins e, como na primeira edição, será possível conhecer e tirar dúvidas sobre os cursos oferecidos, valores de matrículas, didática de cada escola, além de trocar experiências com profissionais de diversas áreas. A ExpoEducar 2018 é gratuita e  estará aberta ao público a partir do dia 15 de outubro, tenho o seu encerramento no dia 28. 

 

Maria do Carmo I

Relatório da senadora Maria do Carmo Alves (DEM) recomendou as emendas propostas pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado para serem incorporadas ao Projeto de Lei 27/2018, do Congresso Nacional que trata da Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2019. Os recursos das emendas, cuja soma chega a R$ 1,420 bilhão foram destinados aos Fundos Nacionais de Saúde e de Assistência Social.

 

Maria do Carmo II

"Desde cedo estivemos reunidos com a Consultoria de Orçamento do Senado para definir as principais prioridades da Comissão, analisando todas as propostas apresentadas até ontem”, disse Maria do Carmo, destacando a sua crença de que conseguiu contemplar importantes ações para a saúde e para a assistência social. “A nossa expectativa é que essas ações promovam melhorias no atendimento aos cidadãos", defendeu a senadora.

 

Oficina

Neste feriadão (de 12 a 14 de outubro), Aracaju receberá a Oficina Gravando Bandas, ministrada por Derick Borba, referência nas áreas de Marketing e Edição. Promovido pela empresa Action Criações, o projeto já fez história com as bandas NX Zero, CPM22 e Deadfish, e agora chega à capital sergipana para a gravação do clipe do cantor estanciano Ivan Reis, escolhido pelo público através de enquetes nas redes sociais. As filmagens ocorrerão no Hotel Sesc Atalaia e toda a edição do videoclipe será realizada nos novos e modernos computadores do AppleLAB do Senac Sergipe.

 

Público-alvo

A oficina é voltada para estudantes, professores, publicitários, líderes de TI, designers gráficos, videomakers, jornalistas, arquitetos, fotógrafos, retocadores de imagem, editores de vídeo, finalizadores, animadores, desenhistas, coloristas, artistas plásticos, diretores de criação, desenvolvedores de softwares e aplicativos, programadores e simpatizantes das ferramentas Adobe.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 

 




Tópicos Recentes