POLÍTICA

23/10/2018 as 16:39

Justiça autoriza a prorrogação do inquérito que apura o atentado a Bolsonaro

A PF investiga se houve a participação de terceiros no crime

Foto: (Tomaz Silva/Agência Brasil).<?php echo $paginatitulo ?>

A 3ª Vara Federal de Juiz de Fora autorizou o pedido de prorrogação do inquérito que investiga o atentado sofrido por Jair Bolsonaro (PSL). A Polícia Federal investiga se o crime contou com a participação de terceiros ou grupos criminosos.

Este é o segundo inquérito sobre o crime. A PF alegou na última quinta-feira (18) precisar de mais tempo para a conclusão. O autor da facada, Adélio Bispo de Oliveira, segue preso. Em depoimento, ele afirmou que agiu sozinho.

O pedido da PF encaminhado à Justiça de Minas ainda não descartava o envolvimento de facções criminosas a exemplo do Primeiro Comando da Capital (PCC). Há ainda as suspeitas de que os advogados de Adélio poderiam ser cúmplices do crime.

Bolsonaro ainda se recupera do atentato. O candidato à Presidência passou por duas cirurgias e se prepara para uma terceira, que visa ainda a recuperação do intestino, segundo adiantou entrevista do presidenciável para a TV Record.


 

 

 

 

Com informações de Destak Jornal.




Tópicos Recentes