POLÍTICA

03/05/2019 as 04:57

Azul ou rosa? Radicalismo contra Damares nos deixa “vermelhos” de vergonha!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

Quem presenciou a sessão especial realizada no plenário da Assembleia Legislativa, nessa quinta-feira (2), onde a ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Regina Alves, foi condecorada com as Cidadanias Sergipana e Aracajuana foi para casa com uma certeza e várias interrogações. O que ficou claro para todo mundo é que vivemos em um País extremamente politizado, ainda “dividido” em um “3º turno” de uma eleição que acabou em outubro de 2018, mas que vem prejudicando o desenvolvimento da Nação.

 

Já entre as inúmeras “dúvidas”, todos se perguntam: até onde isso tudo vale a pena? Por que tanto radicalismo? Por que o “grito” tem que prevalecer ao “diálogo”? Por que a “ofensa” e não o “debate”? Defender uma bandeira partidária, uma ideologia política, uma identidade de gênero é mais importante que a defesa da vida e da família? Não que a questão do gênero não seja relevante, mas onde está a “hipocrisia” em quem é defensor da vida? Dizer ao índio que ele está sendo enganado ou iludido, é uma coisa. Não é novidade para eles no Brasil. Mas dizer que eles serão “exterminados”?

 

Foi com esses e outros argumentos que um grupo de manifestantes, ligados aos movimentos sociais, entidades sociais e partidos de esquerda passaram toda a sessão especial protestando contra as honrarias concedidas à ministra, ou melhor, as maiores homenagens prestadas pelo Poder Legislativo, seja ele estadual ou municipal. O protesto é válido? Sim, faz parte da democracia! Mas o que pode ser tão “democrático” se não há respeito? Até onde vai o seu direito? Não é até onde o do próximo se inicia e assim sucessivamente?

 

Os manifestantes expuseram seu protesto, levaram cartazes, entoaram cantos, criticaram a ministra e sua política. Tudo normal! Mas e por que atrapalhar o andamento da sessão? Os Títulos concedidos foram aprovados por maioria e pelos representantes legítimos do povo, em 2018. Isso sim é democracia! Bem ou mal, ali está o reflexo do que pensa uma parcela considerável da população. Em meio a aplausos de simpatizantes e protestos de manifestantes, os trabalhos foram continuados, o brilho pode ter sido “ofuscado”, mas Damares é sergipana e aracajuana, de fato e de direito, com o cargo de ministra ou não, seja o governo de direita ou de esquerda!

 

O protesto na Alese teve conotação política sim e em alguns momentos, os manifestantes gritavam palavras de ordem contra o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e em defesa da liberdade e do “perdão” ao ex-presidente Lula (PT), condenado e preso pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa da vida tem que ser pauta da direita, da esquerda e do centro; é pauta do PT, PSDB, DEM, PSL e do MDB, por exemplo. A vida é o nosso bem maior, é um patrimônio inegociável! Mas as pessoas subestimam isso, poucos valorizam e se expõem por ideais. O cidadão tem 32 partidos para escolher, mas sua vida é única e passageira...

 

Os “gritos” que atrapalharam a sessão especial “esquentaram” os ânimos; geraram reações também desnecessárias e descabidas de parlamentares e de simpatizantes da ministra. Teve desconforto, mas quem ganhou? Ninguém! A vida e a família ficaram em segundo plano! Concordando ou não com a ministra, justiça seja feita, em momento algum ela se opôs a ouvir. Respeitou o contraditório! Até alguns adversários do governo federal em Sergipe ficaram constrangidos. O sergipano é um povo acolhedor, hospitaleiro. Para ele a “vida” não é azul ou rosa. Vai muito além! Após esse triste episódio, ficamos todos “vermelhos de vergonha”...

 

Veja essa!

O “3º turno” da eleição presidencial está fazendo muito mal ao Brasil. Que façam oposição ao presidente Jair Bolsonaro e sua equipe de ministros, que eles sejam cobrados, mas devem ser respeitados porque representam a maioria votante. Podem se opor ao governo, mas jamais ao País...

 

E essa!

O Brasil atravessa um momento muito difícil e que necessita de união e coragem para superar os danos enraizados da corrupção. O desemprego é uma máxima, atormenta os pais de famílias, desestrutura relacionamentos. É ai que a política tem que entrar para preservar a vida.

 

Títulos

A ministra Damares recebeu o Título de Cidadã Sergipana, atendendo a uma indicação do ex-deputado estadual Pastor Antônio dos Santos (PSC), e o Título de Cidadã Aracajuana em uma indicação do vereador Carlito Alves (PRB).

 

Frente Parlamentar

O deputado Rodrigo Valadares (PTB) fez o lançamento oficial da Frente Parlamentar em Defesa da Vida e da Família. Como presidente, o parlamentar rebateu os gritos dos críticos presentes dizendo que “por todas as vidas, em defesa da família, estamos lançando a Frente Parlamentar. O Brasil vive uma epidemia de aborto, de feminicídios, suicídios, pedofilia, dentre outras coisas. Com essa Frente agora instalada, Sergipe será referência para o país na defesa da vida, independente de lado político”.

 

Carlito Alves

Lançada a Frente Parlamentar e falando em defesa da Câmara Municipal de Aracaju, o vereador Pastor Carlito Alves também minimizou os protestos das galerias e, impulsionado pelos aplausos dos simpatizantes, disse que “pessoas mal educadas não vão tirar o brilho desta homenagem! A senhora iniciou uma trajetória de luta nas ruas de Aracaju e nunca negou este legado. Isso é motivo de honra para nós, sergipanos e aracajuanos. Quem é família, respeita e ama”, disse, anunciando que na Câmara Municipal também vai lançar a Frente Parlamentar em Defesa da Vida e da Família.

 

Samuel Carvalho

Falando pela Assembleia Legislativa, o deputado estadual Samuel Carvalho disse que falaria “com o coração” e que a ministra “foi enviada por Deus para assumir o Ministério”. “Uma pessoa de espírito tão nobre, de uma grandeza que espalha seu legado por onde anda. Esta solenidade de hoje é um projeto de Antônio dos Santos faz Sergipe agora ter uma filha ilustre. Que não nasceu aqui, mas mudou para o Nordeste morando no nosso Estado”.

 

Luta pela vida

Samuel Carvalho pontuou que a ministra, ao longo de sua história, como educadora, transformou seu apartamento em lar temporário para as crianças; para entender os problemas, dormiu nas ruas de Aracaju. “Faz a defesa das mulheres pescadoras, defende os trabalhadores do campo, tem uma luta pelo direito da vida e em defesa dos direitos da infância, além de combater o aborto. Recentemente esteve em Sergipe entregando kits para os Conselhos Tutelares, gosta de comer jaca e amendoim cozido e de dizer que é sergipana. Obrigado”.

 

Valores inegociáveis

Por fim, Samuel Carvalho enfatizou que se sentia orgulhoso em ter Damares Alves como Cidadã Sergipana que, segundo ele, tem uma história de vida que se confunde com a de muitas mulheres do nosso Estado. “Somos intransigentes defensores da família, da fé cristã. Nossos valores são inegociáveis! Esta homenagem representa um símbolo de respeito a luta contra as desigualdades. Sinto orgulho em vê-la nos representando no Ministério. Sua voz tentaram calar, seu grito está preso na garganta com essa tentativa de lhe isolar no mundo midiático, mas isso prova o quanto a senhora é forte. É o Brasil acima de tudo e Deus acima de todos”.

 

Damares Alves I

Antes de se manifestar, a ministra Damares Alves, na companhia do representante da FUNAI (Fundação Nacional do Índio), recebeu e fez a entrega de três veículos para a comunidade indígena Xokó, que vive nas aldeias Ilha de São Pedro e Caiçara, situadas no município de Porto da Folha, que ao longo dos séculos foram discriminadas por sua cultura.

 

Damares Alves II

Ao fazer uso da palavra, na tribuna da Alese, a ministra não escondeu a satisfação pelas honrarias que recebeu e disse que “agora sou sergipana e aracajuana de fato e de direito! Nada vai tirar minha alegria neste dia tão especial. Quero dizer que onde eu for, vou representar este Estado com muito orgulho e dignidade. Estamos construindo uma nova nação. Quero agradecer ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) por idealizar e me nomear no primeiro Ministério das Mulheres”.

 

Beleza da democracia

Em seguida, a ministra agradeceu aos simpatizantes que lhe aplaudiam, além dos deputados estaduais e vereadores de Aracaju que aprovaram os títulos de Cidadania. Ela também minimizou os protestos dos manifestantes dizendo que “isso faz parte da beleza da democracia, os lados opostos. A alternância dos poderes faz parte da democracia. Aceitem que dói menos! Estamos em Brasília (DF) buscando o resgate de valores que estavam perdidos, promovendo a defesa da vida e da família. Agradeço a todos, eu vou voltar a morar neste Estado e que Deus abençoe esta Nação”.

 

Sem interrupção

De um lado os manifestantes contrários à concessão dos dois títulos à ministra tiveram seu espaço assegurado e, mesmo sendo cobrado e até criticado, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Luciano Bispo (MDB), tentou a todo custo “acalmar os ânimos” e não determinou qualquer ingerência no protesto. Apenas pediu, insistentemente, que a situação se tranquilizasse.

 

Bomba!

Este colunista recebeu a informação que, mesmo em tempos de crise, um deputado federal sergipano pagou a “bagatela” de R$ 28 mil para um escritório jurídico em Aracaju que, pelo visto (e valores), deve ser “referência” em serviços de consultoria. Isso em fevereiro, no primeiro mês do começo dos trabalhos do Congresso! Pelo visto a turma chegou com sede...de trabalho!

 

Exclusiva!

Assim que tomou conhecimento da despesa, este colunista solicitou que uma “fonte” bem relacionada, que se encontra em BSB, faça o devido levantamento dos gastos desse parlamentar. Comenta-se que esse e outros assuntos logo terão visibilidade nacional. Será uma “mancha” para os sergipanos...

 

Alô MPF!

Outra informação é que essa e outras notas fiscais estão sendo protocoladas no Ministério Público Federal para que o órgão fiscalizador verifique se procede a denúncia. A coluna vai se aprofundar sobre este assunto e, em breve, trará maiores informações...

 

Com Eliane

Dentro do bloco governista já existe um consenso no sentido que o PT terá candidato próprio a prefeito de Aracaju e, para a surpresa de muita gente, o nome que será defendido é o da atual vice-governadora Eliane Aquino (PT). Os petistas, inclusive, já teriam iniciando algumas tratativas com outros partidos.

 

Ruim para Edvaldo

Uma possível pré-candidatura de Eliane Aquino para prefeita de Aracaju é um “estrago” na pretensão do prefeito Edvaldo Nogueira de chegar à reeleição. O atual gestor tem os apoios confirmados do MDB de Jackson Barreto e do PSD de Belivaldo Chagas. Partidos como o PRB e o PDT, sem espaço na gestão da PMA, estão de olhos abertos para 2020.

 

Heleno com Inaldo

O ex-deputado federal Heleno Silva disse que seu partido não tem compromisso ainda firmado com a reeleição do prefeito Edvaldo, mas já reafirmou um gesto com o prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Padre Inaldo (PCdoB). “Ele foi muito correto com todos nós em 2018”.

 

PRB está de olho

Visando fortalecer sua legenda para os próximos pleitos, Heleno Silva não descartou para este colunista que pode convidar os deputados estaduais Garibalde Mendonça e Zezinho Guimarães, ambos insatisfeitos com o MDB e com Jackson Barreto. Pode ser uma aposta para o futuro...

 

Sem Valadares

Uma fonte bem avisada que transita bem no Palácio dos Despachos confirmou que o governador não deve fazer ingerências caso o PT decida ter candidato próprio a prefeito de Aracaju contra Edvaldo. O “galeguinho” só não aceita qualquer aproximação com o PSB dos Valadares.

 

Gilmar na Rádio Jornal

Fará muito bem ao rádio sergipano e, sobretudo, ao nosso jornalismo o retorno do radialista e deputado estadual Gilmar Carvalho, nos próximos dias, pelas manhãs, mas com um horário diferenciado. O “cancão” vem com uma novidade: casa nova ou casa velha? Ele tem uma nova frequência, mas retorna a um “antigo lar” que é a Rádio Jornal FM. Este colunista deseja sucesso ao comunicador na nova empreitada.

 

Exonerações em Capela I

A secretária de Educação de Capela, Joseana Santos da Silva, surpreendeu os servidores comissionados da Pasta que apostaram na gestão da prefeita Silvany Sukita e, através de um comunicado, anunciou uma exoneração em massa de sua Pasta. “Devido ao excesso de contratados nos meses de janeiro e março, bloqueio de parte do ICMS desde 2017 e queda da receita em 30%, analisamos isso juntos às secretarias de Finanças, Planejamento e Controle Interno”.

 

Exonerações em Capela II

A secretária de Educação informa ainda que a prefeita Silvany Sukita não terá como manter a folha atual de contratos. “Exigindo assim uma redução no quadro para que assim possamos agir com responsabilidade e garantir o pagamento de todos os servidores em dia”. Detalhe: o excesso de contratados já revela a falta de planejamento da gestão, que agora terá que exonerar muita gente, ou seja, desempregar vários pais de famílias. Eita “Capela véia”...

 

Edvaldo Nogueira I

O prefeito Edvaldo Nogueira anunciou a permanência do coronel da reserva da Polícia Militar, Luís Fernando Silveira de Almeida, como secretário municipal de Defesa Social. Ele responde pela pasta desde maio de 2017 e continua no cargo após a reforma do secretariado realizada pelo gestor municipal neste início de ano. 

 

Edvaldo Nogueira II

“O coronel Luis Fernando é um profissional extremamente competente, tem experiência, conhecimento e tem realizado, ao longo destes dois anos, um grande trabalho na Secretaria da Defesa Social, por isso, mesmo durante este processo de reforma da equipe, decidi por sua permanência”, afirmou o prefeito. 

 

Mais um nome

O coronel Luís Fernando Silveira de Almeida é formado em Direito e possui pós-graduação em Gestão Estratégica e Segurança Pública. Ele já respondeu pela chefia do Gabinete Militar do Governo do Estado. Como parte da reforma administrativa, o prefeito deverá anunciar o novo secretário do Meio Ambiente de Aracaju até o próximo dia 17.

 

Fábio Henrique I

As estradas federais que cortam o estado de Sergipe encontram-se em más condições e têm resultado em quebras de veículos e em diversos acidentes, muito com vítimas fatais. A duplicação da BR 101, por exemplo, se arrasta desde o governo Fernando Henrique e tem prejudicado o deslocamento de pessoas, o transporte de cargas e o fluxo turístico. O deputado Fábio Henrique (PDT) visitou o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em Sergipe (DNIT/SE).

 

Fábio Henrique II

Na audiência com o superintendente do DNIT/SE, Gustavo Defilippo, o deputado Fábio Henrique esteve acompanhado do superintendente da Polícia Rodoviária Federal – Inspetor Xavier, e do superintendente-adjunto da PRF – Inspetor Gabriel. “Fiquei muito preocupado com as informações que recebi. A primeira, é de que a política do Ministério da Infraestrutura é de não iniciar novas obras. Portanto, não serão iniciadas às duplicações da BR 101 de Estância até Cristinápolis, e nem a duplicação da BR 235”, disse o deputado.

 

Buracos

Já sobre a quantidade de buracos existentes na BR 101, na parte duplicada entre Aracaju e Pedra Branca, o superintendente Gustavo Defilippo disse que está assinando um contrato de manutenção que irá resolver esse problema. No trecho de 11 km, na região de Japaratuba e Capela, o Exército irá concluir a obra. 

 

Sem dinheiro

“Porém, quando falamos sobre os 40 km, do lado de Sergipe, que tem início em Propriá e que a obra está em andamento, o DNIT só tem recurso até o mês de setembro e paralisará a obra se o Ministério não enviar mais recurso. E o trecho mais complicado, que é de Pedra Branca a Carmópolis, que foi licitado recentemente por R$ 117 milhões e que não tem obra nenhuma, só existe empenhado R$ 2 milhões, que mal dará para iniciar essa obra”, informou Fábio Henrique, bastante preocupado com a situação.

 

Poucos recursos

O superintendente do DNIT detalhou ao deputado que o recurso para manutenção do órgão, que em 2016 era de R$ 350 mil, é atualmente de R$ 65 mil. “Ele me pediu para intermediar com a bancada sergipana para que nos unamos para ajudar o desenvolvimento dessas obras importantes para o Estado. Entendo que esse é também um, assunto a ser levado ao governador Belivaldo. Temos de unir forças para, pelo menos, concluir as obras já em andamento”, afirmou Fábio Henrique.

 

PTB em festa

O partido, sob a presidência do deputado estadual Rodrigo Valadares, promoveu um café da manhã regado a muita política, quando foram empossadas as novas executivas do PTB Mulher, que tem Mary Elaine em Aracaju e Aline Mangueira no diretório Estadual.  Da JPTB também foram empossados o presidente na capital, Pedro Otto; e o presidente estadual dos jovens Genivaldo Campos.

 

Feijoada Beneficente

O Externato São Francisco de Assis comemora 55 anos e vai celebrar a data com a tradicional ‘Feijoada Beneficente’ e ‘Festa da Família’ no sábado, 11 de maio, a partir das 12h, na sede da instituição em Aracaju. A festa vai contar com shows e participações especiais dos cantores Thiago Sol, Fábio Lima, Mário Forró e Audry da Pedra Azul.

 

Curso

Este mês de maio a Etec vem  com uma programação especial para seu congresso e abordará a temática “Organização Político - Administrativa Brasileira”.  Os palestrantes serão o ex-Deputado Federal por Sergipe  André Moura (PSC), que irá ministrar o tema: Novo Pacto Federativo; e o Advogado Mestre em Direito público e Doutorando em Direito e novas tecnologias pela “PUCRS”, Dr. Gustavo Ferreira, que ministrará sobre o tema controle judicial do processo legislativo municipal. O evento será de 24 á 27 de maio, de 2019.

 

Conferência Estadual

A deliberação foi feita durante a 4ª reunião ordinária do Conselho Estadual da Assistência Social (CEAS). E a conferência já tem data, 16 e 17 de outubro de 2019, e tema Avaliação do II Plano Decenal. “A decisão do colegiado do CEAS vem fortalecer a participação e controle social em um momento que o Governo Federal usa de diversas manobras políticas e jurídicas para não realizar a XII Conferência Nacional de Assistência Social, cuja convocação foi aprovada na última reunião do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS)”, avaliou Itanamara Guedes, presidenta da FETAM.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com




Tópicos Recentes