POLÍTICA

09/05/2019 as 08:50

Clóvis chegou de “paraquedas” no TCE e sonhava em sair como “popstar”!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

“O senhor está ciente do risco de Flávio Conceição conseguir reverter sua aposentadoria compulsória? Tenho consciência, mas entendo que a vaga existe e estou disposto abrir mão de tudo por ela”. O questionamento é histórico e foi feito pelo então deputado estadual e hoje prefeito de Ribeirópolis, Antônio Passos, no dia 22 de abril de 2009, fim de tarde de uma quarta-feira, na antiga Sala de Comissões da Assembleia Legislativa (antes da Reforma), durante a sabatina feita por uma Comissão Especial de Parlamentares ao então postulante e ex-secretário de Estado, Clóvis Barbosa.

 

Naquele momento, os deputados estavam diante de um homem determinado em assumir a cadeira do TCE, após a aposentadoria compulsória do conselheiro Flávio Conceição. Clóvis tinha obsessão pelo Poder, buscou o apoio do então governador Marcelo Déda (in memoriam), mas para ser unanimidade naquele momento contou com toda a articulação do então presidente da Alese e hoje comandante do TCE, Ulices Andrade, que contornou possíveis “arestas” que Clóvis teria construído anteriormente por conta de suas vinculações partidárias.

 

Foi eleito por uma Casa Política, para fiscalizar e orientar políticos, mas ao sentar na cadeira, perdeu-se pela vaidade. Ao assumir a presidência do TCE “empoderou-se” ao ponto de “peitar” o então prefeito da capital e o ex-governador, “massacrar” gestores do interior, ditou regras para deputados e vereadores e montou uma “estrutura de controle” dentro do Tribunal para pressionar e/ou constranger seus demais pares, com um plano de ataque definido: impedir a todo custo que Ulices Andrade chegasse à presidência do TCE, justamente quem mais lhe ajudou no passado...

 

Em um comentário recente, este colunista já havia alertado que não iria adiantar qualquer ação “vitimista” de Clóvis para permanecer na Corte de Contas após a absolvição de Flávio Conceição que assim como o atual conselheiro em 2009, não tem nada com isso, deu a volta por cima e vai pleitear tudo aquilo que o bom Direito lhe oferece. Desprestigiado, isolado, distante inclusive de seus “fiéis escudeiros”, hoje Clóvis não passa de um conselheiro inseguro e que não se contém e comete gestos desesperados. Está “sedento” para continuar no Poder...

 

Até onde este colunista conseguiu apurar, Clóvis Barbosa tem recorrido ao “passado”, para tentar inflar um movimento dentro do Tribunal, desgastando e pressionando seus demais pares. Encontra “portas fechadas” por onde passa; as pessoas não absolvem bem a ingratidão. Não tem apoio nem dentro da Corte aonde chegou de “paraquedas”. Quando deu aquele “salto” em sua vida, tinha consciência de todos os riscos. O “super-homem” não fez um “bom voo”, foi “rasteiro”! Sonhava em virar um “popstar”, tende a sair “pelos fundos”, sem a “capa” e sem os “superpoderes”...

 

Veja essa!

Enquanto muitos políticos em Sergipe ainda defendem que o governador Belivaldo Chagas (PSD) “trave forças” com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), em defesa dos interesses do Estado o “galeguinho” usou do bom senso e foi o primeiro governador nordestino a ter uma audiência no Palácio do Planalto.

 

E essa!

Se o ministro-chefe da Casa Civil, Onix Lorenzoni, fez críticas à UFS e se houve tumulto na entrega dos títulos de Cidadania para a ministra Damares Alves em Sergipe, Belivaldo não quis nem saber: procurou o presidente da República e tratou de buscar uma agenda positiva, estreitando a relação administrativa entre o seu governo e o de Jair Bolsonaro.

 

PSD apoia

Não custa lembrar que o PSD, partido do governador Belivaldo Chagas, está fechado com a gestão do presidente Jair Bolsonaro sobre a aprovação da Reforma da Previdência. Por sua vez, partidos como PDT, PCdoB, PT, PSOL, PSB têm posições contrárias ao texto do governo federal.

 

Troca em BSB

Por mais que o governador pontue que seus pleitos ao presidente não têm relação política, está claro que os benefícios reivindicados pelo chefe do Executivo Estadual virão em troca da maioria dos votos da bancada federal de Sergipe na Reforma da Previdência.

 

Pauta

Além da Fafen, eles trataram da duplicação da BR-235, do início da obra da duplicação da adutora do Piauitinga, da finalização da obra do Terminal Pesqueiro e da construção de 3 mil casas populares em Sergipe. Nesta quinta (9), às 15 horas, Belivaldo Chagas volta ao Palácio do Planalto para ser recebido novamente pelo presidente Jair Bolsonaro, desta vez, com todos os demais governadores do Nordeste para tratar de assuntos de interesse da região.

 

Bomba!

Após o término do mandato de André Moura (PSC), Sergipe não tinha um interlocutor junto à presidência da República. Este colunista apurou que o coordenador da bancada federal, deputado Fábio Reis (MDB), e principalmente seu irmão e ex-deputado Sérgio Reis (PODE) é que teriam mais “prestígio” junto ao governo de Jair Bolsonaro.

 

Exclusiva!

O ex-secretário da SEDURBS, Valmor Barbosa, encontra-se em BSB, ao lado do governador Belivaldo Chagas, e tudo indica que deve voltar de Brasília (DF), possivelmente com tudo encaminhando para assumir um órgão no governo federal, que conforme a imprensa antecipa é a Codevasf. É um bom quadro, tem experiência e pode ajudar o governo a sair da crise em que se encontra.

 

IT Consulting

Funcionários terceirizados da empresa IT Consulting, que prestaram serviços à Seplag, pediram demissão na esperança de receber seus salários atrasados há exatamente três meses. Muitos deles se encontram desempregados e o secretario George Trindade garantiu que as contas seriam pagas mediante aval da PGE, mas até agora nada foi autorizado.

 

Ponta-cabeça

O suplente de deputado estadual Jairo Santana (PRB), pré-candidato a prefeito de Nossa Senhora da Glória, está inconformado (e com razão) porque, na condição de ex-prefeito da cidade, sua foto está na galeria fixada na Prefeitura, mas de “ponta-cabeça”. Ele entende e lamenta apenas como uma questão de “picuinha política”. Se for é um absurdo! Com a palavra do prefeito Glória...

 

Alessandro Vieira I

“Weintraub trouxe diagnósticos, mas nenhuma proposta. O problema não está na falta de análises e sim falha na execução”, observou o senador Alessandro Vieira (Cidadania 23), após a audiência pública com o ministro Abraham Weintraub, na Comissão de Educação (CE) do Senado.

 

Alessandro Vieira II

O Fundo é como um cofre de onde sai dinheiro para manter e desenvolver a Educação Básica e apoiar iniciativas de valorização de professores. Foi criado em 2007 e termina em 2020, por isso a preocupação em saber como vai ficar a Educação Básica a partir do ano que vem. O ministro foi questionado sobre o corte de recursos das universidades federais, a que fez questão de chamar de contingenciamento, mas não explicou os critérios para determinar os percentuais para cada instituição.

 

Contingenciamento

A Universidade Federal de Sergipe, por exemplo, sofrerá contingenciamento de 23%. Ou seja, dos R$ 128 milhões destinados ao custeio, cerca de R$ 30 milhões, ficarão retidos nos cofres da União. “Primeiro o ministro atribuiu a mudança orçamentária a uma opção ideológica, uma retaliação às chamadas ‘balbúrdias’, depois disse que era uma opção técnica. Mas na verdade quem decide mesmo o que deve ser cortado é o Ministério da Economia”, disse Alessandro. 

 

Zezinho do Bugio I

O vereador Zezinho do Bugio presidiu, na Câmara Municipal de Aracaju, a Sessão Especial que destacou a importância das Unidades Especializadas da Polícia Militar para a sociedade sergipana. A solenidade contou com a participação de dezenas de militares, que receberam homenagens por parte do vereador. “O grande objetivo desta Sessão Especial é aproximar a sociedade da Polícia Militar e mostrar também as dificuldades que os senhores passam”.

 

Zezinho do Bugio II

“Me sinto honrado em receber os senhores e senhoras para este momento tão importante na valorização das Polícias Especializadas. Sei do papel que vocês desempenham para manter a ordem e a paz para o povo sergipano, por isso, precisamos buscar recursos para que vocês continuem com este trabalho de excelência”, expressou Zezinho. 

 

Fechamento do HPM

Além de destacar ser fundamental a construção do Centro de Treinamento da Polícia Militar, o parlamentar expôs também sua insatisfação pelo fechamento do Hospital da Polícia Militar. “O HPM está em ruinas. Isso me preocupa muito. Um hospital que cuida do PM e da sua família está abandonado. Eu vou lutar para que reabra o Hospital, pois é necessário para o bem-estar do Policial, bem como da população. Eu quero fazer deste mandato, poder que Deus e o povo me deu, em favor dos aracajuanos e dos policiais militares também. Minha história começou na PM, por isso, serei eternamente grato a esta família”, finalizou. 

 

Armando Batalha Jr

Recém chegado a Câmara de Vereadores, o jovem Armando Batalha Junior (Cidadania) tem utilizado diariamente a tribuna da Casa Legislativa para chamar a atenção da sociedade sobre temas delicados e de grande repercussão na imprensa nacional. Desta vez, o parlamentar abordou o aumento do número de casos de feminicídios na capital sergipana.

 

Feminicídio

Ele citou a morte da professora Andreia Monte, assassinada pelo ex-marido na porta de uma escola. “A tragédia da semana passada entra para a estatística como mais um caso de feminicídio no país. Aracaju se tornou violenta neste tipo de crime. É preciso agir”, promete o vereador. Em sergipe, até o mês de maio deste ano foram registrados sete casos de feminicídio. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública (SSP). “É um número assustador”, resume o parlamentar.

 

Projeto de Lei

Ainda esta semana, Armando Batalha Jr. vai apresentar um projeto de lei sobre o tema. Na condição de advogado militante na área criminal, o jovem parlamentar conhece bem os fatores sociais que resultam no aumento da violência contra a mulher. “São diversos os fatores, desde a ausência de uma boa educação até a desigualdade financeira existente no país. O Brasil mudou, os homens também, por isso precisamos frear esse tipo de crime. Todavia, não basta apenas punir o criminoso, é necessário prevenir a ação deles, é preciso mudar o caminhos do ser humano”, afirmou.

 

JÚRI

Nesta quinta-feira (09) será realizado o Júri do processo nº 201821800174 que trata sobre o caso do réu Gilvan Ferreira de Andrade, acusado do crime de homicídio. Gilvan, que supostamente assassinou com cinco tiros sua esposa Gilvânia, fato ocorrido no Conjunto Jardim Esperança, Bairro Inácio Barbosa, será submetido a julgamento, no Fórum Gumersindo Bessa. A promotora de Justiça que atuará no caso é a Dra. Cláudia Daniela.

 

Henrique de João Gogó I

O vereador de Monte Alegre, Henrique de João Gogó, concedeu o Titulo de Cidadão daquele município para os servidores da Segurança Pública que formaram uma equipe policial atuante  no combate ao tráfico de drogas e conseguiram reduzir o número de crimes em Monte Alegre e em todo Sertão.

 

Henrique de João Gogó II

Serão condecorados  pelo vereador o delegado de Polícia Civil, Jorge Eduardo dos Santos Filho; o agente de polícia judiciária Luciano Almeida; o escrivão de polícia judiciária e hoje delegado de polícia civil no Estado da Bahia, Marcos Aurélio de Oliveira Porto; o Capitão da PM, Jose Lemos Jacinto; além do delegado de Polícia Civil, Samuel Souza de Brito Oliveira

 

“Tardezinha Vênus” I

Se você quer comprar um presente maravilhoso para a sua mãe, ou para você mesmo, não pode perder a primeira edição da “Tardezinha Vênus”. No dia 11 de maio, às 16 horas, o Vênus Espaço de Dança e a loja Severinas vão receber artesãos para uma feirinha, com moda praia, acessórios, roupas, comidinhas e música ao vivo.

 

“Tardezinha Vênus” II

Vão estar presentes: Colares de Crochê, com brincos, colares, tiaras e muitos outros acessórios; a U.N.I.D.A.S., com seus chinelos e camisetas personalizados; Kloster Store, com os diversos modelos de óculos de sol; Lunária, com acessórios em prata; Itchá, com roupas de tecido africano e estampados; mais acessórios com Lucimara Acessórios; e a Severinas, com a moda praia.

 

Show

O sanfoneiro Lucas Campelo e percussionista Anderson Petti vão apresentar o show ‘Contos do Nordeste’. E para ninguém ter fome, a Parêa Culinária Artesanal e o Ateliê de Sabores estão lá, com comidas e bebidas. “A nossa ideia é promover uma tarde de lazer, leve, para todos. E nada melhor do que reunir talentos sergipanos, no artesanato, na música e na culinária”, disse Rafaela Castro, proprietária da Severinas e que realiza a Tardinha Vênus com Paloma Augusta, diretora do Vênus Espaço de Dança.

 

Japaratuba

A Carreta da Mamografia está em Japaratuba para a realização de exames para rastreamento precoce contra o câncer de mama. De acordo com a secretária Municipal da Saúde, Nara Barreto, a expectativa é que cerca de 100 mulheres, entre 40 e 69 anos, sejam atendidas durante todo o dia de hoje. Nesta quinta-feira (9) já estão agendados atendimentos para cerca de 60 mulheres, cumprindo a demanda estipulada. “O exame é também uma forma de prevenir e combater o câncer de mama, que é o tipo mais comum entre as mulheres”, disse a prefeita Lara.

 

Seu Marcos I

O Projeto que propõe o ensino da Lei Maria da Penha nas escolas de Aracaju foi mais uma vez  pautado pelo vereador Seu Marcos (PHS). O legislador propôs que a norma, se sancionada, passe a ser Lei “Andrea Belizário”,  homenagem à professora assassinada, no início do mês, na porta de uma escola municipal, no Bairro 17 de Março. Seu Marcos, que é autor do PL, agradeceu aos colegas pela unanimidade na  aprovação da propositura e falou do apoio da população e de órgãos de defesa, a exemplo da Comissão de Defesa dos Direitos das Mulheres  da OAB/SE. 

 

Seu Marcos II

“Tenho recebido mensagens de aceitação dos aracajuanos  e o apoio da Dra. Valdilene Martins, vice-presidenta da Comissão de Defesa do Direitos das Mulheres da OAB/SE, que tem conversado comigo e me parabenizando pela criação do projeto. Uma representante legítima da luta contra a violência das mulheres em nosso Estado.  Só sabe da importância da Lei quem milita diariamente contra esse crime", afirmou.

 

Lei Maria da Penha

O parlamentar falou também  da relevância do ensino da Lei Maria da Penha na educação das futuras gerações. Vale ressaltar que em 2011,  a norma foi considerada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como uma das mais relevantes do mundo no tocante ao combate à violência doméstica. “A proposta do PL serve tanto para que as mulheres conheçam seus direitos e saibam como pedir ajuda, quanto para discutir violência de gênero e começar a conscientizar os nossos meninos, principalmente. Precisamos ensinar como tratar uma mulher, como respeitar e todos os direitos. Futuramente vamos ter resultados positivos. Não é uma medida de efeito imediato, mas  de prevenção”, destacou. 

 

André Moura

Foram liberados mais de R$ 10 milhões para 35 municípios de Sergipe serem contemplados com ônibus que serão destinados à Assistência Social. Estes recursos foram conseguidos por André Moura, no final do ano de 2018, através do Ministério do Desenvolvimento Social e a previsão é de que a entrega seja feita até o final de maio.

 

Estância

A Prefeitura de Estância promove mais uma edição do Programa “Gestão da Gente”, neste sábado (11), na Escola Núbia Nascimento, no Conjunto Paulo Amaral. A população receberá diversos serviços, como manicure e pedicure, corte de cabelo, aferição de pressão arterial, tratamento dentário, dentre outros.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com




Tópicos Recentes