03/12/2019 as 07:43

Dramalhão capelense: a vitima de si mesmo

O ex prefeito Sukita parece mesmo não ter jeito, agora tenta a todo custo culpar a quem não tem culpa, tome tento Sukita

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
<?php echo $paginatitulo ?>

Parece que a novela não acaba mesmo, vamos ter que conviver com varias tentaivas do ex prefeito da cidade de Capela em se transformar mais uma vez em vitima do sistema, aliás por bem dizer sistema criado por ele mesmo. Sukita agora tenta se vitimizar e inverter os papeis, criando factóides que não existem num exaustivo áudio de mais de dezenove minutos, onde fala muito, nada explica e a única coisa que faz é tentar confundir o entendimento da população, senão vejamos: ao contrário do que ele afirmou em sua entrevista, Sukita pediu através de Anilton (um amigo comum do ex casal), que a sua ex companheira e atual prefeita de Capela mandasse dinheiro para ele, o que de imediato,  a prefeita rechaçou  e não concordou com esse pedido, pois o achou muito estranho, até porque para que um detento precisaria de dinheiro?
 
Quanto ao fato dos agentes prisionais terem sido suspensos, a prefeita não teve culpa alguma, ou será que ela foi filmada bebendo com os agentes prisionais e o ex companheiro? Qual a culpa da atual prefeita? Só para esclarecer consutei a prefeita Silvany e ela afirmou que em nenhum momento citou o nome de nenhum dos agentes prisionais envolvidos, até porque não os conhece. A culpa dos agentes terem sido suspensos para a abertura de um processo administrativo disciplinar ou coisa que o valha é exclusivamente de Sukita, pois foi ele foi quem postou em sua própria rede social a sua foto com os agentes bebendo refrigerantes e cervejas como se estivessem numa farra e ainda destacou na publicação, que estavam dentro do Presidio Estadual de Nossa Senhora da Gloria.
 
O secretário de Justiça apenas agiu conforme o disposto em lei, no sentido de se apurar a ocorrência de algum tipo de ilegalidade,  e caso os agentes não tenham culpa alguma, eles nada têm a temer, mas se for observado alguma transgressão sofrerão as devidas sanções. A culpa de tal ilegadade a meu ver, será exclusivamente de quem promoveu a farra e de quem publicou tal ato nas suas mídias sociais, querendo expor funcionarios públicos que tentavam promover naquele instante a lei. Quem conhece Sukita sabe do que ele capaz para tentar transformar uma mentira em verdade, que mesmo com os reveses que já sofreu e vem sofrendo em sua vida, parece que ainda não aprendeu, insistindo no mesmo tipo de prática que um dia o fez ser privado da sua liberdade e passar a ver o sol nascer quadrado, o que parece não constranger o nosso Manoel Carlos sergipano, um dos maiores autores de novela do Brasil.



Tópicos Recentes