SAÚDE

11/02/2019 as 08:45

Osteoporose: causas e cuidados necessários para combater a doença

A prática de exercícios e uma dieta balanceada são fundamentais para evitar a osteoporose

Foto: (Reprodução/Mundo Educação).<?php echo $paginatitulo ?>

Os hábitos e estilo de vida pesam, e muito, na saúde dos ossos. A osteoporose, doença que fragiliza e enfraquece o esqueleto e os músculos que nos sustentam, faz com que a suscetibilidade de ocorrer uma fratura seja ainda maior, podendo ser causada não só por quedas, mas também por movimentos corporais simples, como se curvar e tossir.

Assim, a prática de exercícios e uma dieta balanceada são fundamentais para evitar a osteoporose. O consumo de nutrientes como cálcio, vitamina D, fósforo, magnésio e proteína ajuda na prevenção contra a doença. Em contrapartida, o excesso de sódio, presente no sal e nos alimentos processados, prejudica a saúde óssea.

Vitamina D

Além da alimentação, o ato de tomar sol por cerca de 15 minutos ao dia, em um horário conveniente, também ajuda muito. É importante lembrar que é preciso expor os braços e/ou as pernas para que os raios solares estimulem a fabricação de vitamina D e a sua fixação nos ossos.

Ajuda

Outra dica que merece ser levada em consideração é a de consultar um ortopedista ou um educador físico. Esses profissionais vão aconselhar qual o tipo de exercício, frequência e intensidade em que deverá ser feito para estimular a formação de massa óssea.

Vale recordar que o diagnóstico e tratamento da osteoporose são conduzidos pelo médico, visando impedir o agravamento da mesma, controlar a dor, retardar ou interromper a perda de massa óssea e prevenir fraturas. Uma alimentação personalizada deve ficar a cargo de um nutricionista.

No dia a dia, importante consumir alimentos risco em cálcio: couve, rúcula, agrião, brócolis, almeirão, espinafre, radicchio e outros vegetais folhosos verde-escuros; leguminosas, como feijão, ervilha, lentilha, grão-de-bico e outros; oleaginosas, como castanha do Pará, de caju, nozes, macadâmia e outras; além das sementes de girassol, gergelim e abóbora.


 

 

 

 

Com informações de Anderson Firmino, Estadão Conteúdo.




Tópicos Recentes