SAÚDE

03/03/2020 as 16:00

Cinco alimentos que tem de deixar de comer à noite para emagrecer

Para a sua saúde e boa forma evite estes cinco alimentos:

<?php echo $paginatitulo ?>

Quando ingeridos à noite determinados alimentos podem prejudicar o sono. Além disso, podem ainda fazer com que tenha mais fome no dia seguinte e diminuir os níveis dos hormônios responsáveis pela queima de gordura.

 Mas, há mais segundo a revista norte-americana Women’s Health. Dormir mal reduz a sensibilidade do organismo à insulina e os índices do hormônio do crescimento que alimentam e aumentam a massa muscular; e por sua vez e prejudicialmente, aumenta os níveis de cortisol (o hormônio do stress), conforme aponta uma pesquisa publicada no periódico científico Diabetologia.

Para a sua saúde e boa forma evite estes cinco alimentos:

Chocolate preto

Este alimento contém cafeína, teobromina (outro estimulante), e açúcar. Os dois primeiros podem somente sabotar o sono, já o último pode arruinar o seu esforço para perder peso. “Dormir num surto de açúcar de ação rápida é o ambiente perfeito para armazenar gordura”, diz a nutricionista Betsy Opyt.

Molhos e alimentos e picantes

Ingerir alimentos ou molhos picantes pelo menos uma hora antes de ir dormir pode provocar distúrbios do sono e azia, avisa Opyt.

Vinho tinto

Não é aconselhável beber álcool antes de ir dormir. Até pode adormecer mais rapidamente, no entanto dificilmente entrará no estágio profundo e restaurador de sono conhecido por REM, conforme explica Jim White, representante da Academia de Nutrição e Dietéticos. Num estudo australiano, algumas mulheres beberam vinho antes de irem dormir e investigadores da Universidade de Melbourne apuraram que enquanto descansavam os seus cérebros manifestavam uma atividade similar ao que é observado em indivíduos que recebem choques elétricos ligeiros.

Óleo de coco e queijo de cabra

Alimentos ricos em gordura saturada podem saciar e contribuir para acelerar o processo de emagrecimento, todavia quando os come muito pouco tempo antes de ir descansar, podem impactar negativamente no sono. Tal ocorre porque a gordura saturada tende a alargar a válvula que separa a parte inferior do esôfago e do estômago. “E uma vez que a gordura demora a ser digerida, qualquer coisa que coma demora mais tempo para voltar ao esôfago e irá provavelmente mantê-lo acordado”, explica White.

Açúcar

Bolachas, biscoitos e bolos são alimentos completamente proibidos para comer à noite. White alerta que o açúcar funciona como combustível para o corpo, isto é se ingerir a substância antes de ir dormir, provavelmente as suas reservas de carboidratos armazenadas no organismo já se desligaram, e assim o açúcar irá transformar-se irremediavelmente em gordura.




Tópicos Recentes