18/06/2018 as 16:38

Em sua primeira copa, Panamá busca experiência para voltar forte em outras edições

Especial Copa do Mundo

Copa do Mundo Rússia 2018
Por Dhiogo Oliveira e Iago Rick
<?php echo $paginatitulo ?>

Em sua primeira participação na Copa do Mundo, o time panamenho será motivo de grande mobilização nacional. se a classificação para o Mundial já foi motivo de feriado nacional no dia seguinte, a estreia contra a Bélgica não será comemorada com menos que isso.

Se fora de campo, o ambiente é de muita empolgação com o feito da seleção, dentro não vai existir muitos motivos para alegria. A equipe talvez seja a mais fraca do torneio, e não é difícil imaginar que seja goleada nos confrontos contra os belgas e ingleses.

O time é extremamente limitado do ponto de vista técnico; só tem dois jogadores atuando na Europa (o goleiro Penedo e o atacante Ricardo Ávila) e os demais espalhados na liga local, no campeonato americano ou em times de pouca expressão na América do Sul.

Em 2018, não há como fugir, será saco de pancadas. Já fez muito em se classificar.

Palpite do Alô - Se classificar para  o mundial já foi motivo de feriado nacional para o Panamá que irá à Rússia apenas a passeio, avançar às oitavas é impossível,  e a seleção ainda tem grandes chances de ser elimindada sem marcar um gol .

Destaque - Felipe Baloy (Volante).

Ranking FIFA - 55°

Convocação: Goleiros: 1. Jaime Penedo (Dinamo Bucharest - Romênia). 12. José Calderón (Chorrillo FC - Panamá) e 22. Alex Rodríguez (San Francisco FC - Panamá).

Defensores:  2. Michael Murillo (New York RB - EUA), 3. Harold Cummings (San José Earthquakes - EUA), 4. Fidel Escobar (New York RB - EUA), 5. Román Torres (Seattle Sounders SC - EUA), 13. Adolfo Machado (Houston Dynamo - EUA), 15. Éric Davis (DAC Dunajska Streda - Eslováquia), 17. Luis Ovalle (CD Olimpia - Honduras) e 23. Felipe Baloy (CSD Municipal - Guatemala);

Meio-campistas: 6. Gabriel Gómez (Bucaramanga - Colômbia), 8. Édgar Bárcenas (Cafetaleros de Tapachula - México), 11. Armando Cooper (Universidad de Chile), 14. Valentín Pimentel (Plaza Amador - Panamá), 19. Alberto Quintero (Universitario de Lima), 20. Aníbal Godoy (San José Earthquakes - EUA) e 21. Jose Luis Rodríguez (KAA Gent - Bélgica);

Atacantes:  7. Blas Pérez (CSD Municipal - Guatemala), 9. Gabriel Torres (CD Huachipato - Chile), 10. Ismael Díaz (Deportivo La Coruña), 16. Abdiel Arroyo (LD Alajuelense - Costa Rica) e Luis Tejada (Sports Boys - Peru).




Tópicos Recentes