SERGIPE

30/01/2019 as 16:31

"Mulheres de Peito" se reúnem com promotor para cobrar do estado Carreta da Saúde

Promotor da Saúde afirmou que irá se reunir com secretários de estado para cobrar pagamento do contrato firmado pelo Governo do Estado

Foto: ( Helia Scheppa/Acervo JC Imagem).<?php echo $paginatitulo ?>

O promotor de Saúde do Estado de Sergipe, Manoel Machado foi procurado pelo grupo Mulheres De Peito, organização que visa assegurar apoio e orientação a mulheres que sofrem com câncer.

Nesta quarta-feira (30) ele concedeu entrevista coletiva à imprensa e falou sobre a necessidade do funcionamento da Carreta da Saúde, que possui diversos equipamentos essenciais na utilização do tratamento contra doenças cancerígenas.

"O Ministério Público (MP) abriu um processo administrativo para apurar os fatos trazidos por elas em relação ao atraso de funcionamento da carreta. A gente está vendo que é preciso a entrada do MP para discutir juntamente com a secretaria de Saúde e a da Fazenda, o que é necessário ser feito para agilizar a entrega da carreta, que é extremamente importante e possui equipamentos modenos. tenho certeza de que o Governo de Sergipe vai ter sensibilidade e dar prioridade a essa questão", afirmou Manoel Machado.

Perguntado se pode ter ocorrido algum desvio de finalidade no dinheiro que seria utilizado para o pagamento da chegada da carreta, o promotor disse que ainda é muito cedo para se chegar a essa conclusão. "A nossa preocupação inicial é com o serviço de saúde; o câncer não pode esperar, a gente não tem nenhum elemento que aponte desvios ou qualquer improbidade, não há discussões neste sentido", esclareceu ele.

A Carreta da Saúde já está em Aracaju, mas ainda não entrou em funcionamento por falta de pagamento do Governo do Estado à empresa com que firmou parceria.


 

Redação Alô News.




Tópicos Recentes