SERGIPE

11/09/2019 as 09:43

Serviços dos Correios em Sergipe são afetados após sindicato decretar paralisação por tempo indeterminado

Em nota, a assessoria de comunicação dos Correios disse que irá adotar medidas já planejadas para garantir que as agências funcionem regularmente, bem como a entrega de cartas e encomendas.

Portal G1/SE
<?php echo $paginatitulo ?>

Os serviços realizados pelos Correios em Sergipe estão afetados a partir desta quarta-feira (11), de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos do Estado de Sergipe (Sintect/SE), que orientou a paralisação das atividades de cerca de 700 funcionários por tempo indeterminado.

Eles são contra a privatização da empresa estatal, anunciada pelo governo Bolsonaro, além do corte de benefícios aos trabalhadores. Ainda de acordo o sindicato, os servidores tentam reajustes salariais, mas não conseguem negociação com a instituição.

Em nota, a assessoria de comunicação dos Correios disse que a empresa participou de dez encontros com os representantes dos trabalhadores, "quando foi apresentada a real situação econômica da estatal e propostas para o acordo dentro das condições possíveis, considerando o prejuízo acumulado da ordem de R$ 3 bilhões. As federações, no entanto, expuseram propostas que superam até mesmo o faturamento anual da empresa".

Os Correios também informaram que o principal compromisso da direção é assegurar a sustentabilidade da estatal e "conta com os empregados no trabalho de recuperação financeira da empresa e no atendimento à população".

A empresa ainda disse que irá adotar medidas já planejadas para garantir que as agências funcionem regularmente, bem como a entrega de cartas e encomendas. E garantiu que, no fim desta manhã, irá enviar um balanço sobre a situação e o percentual de adesão à paralisação.

 




Tópicos Recentes